TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Quer se arerepender? Então, compre um desses smartphones | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Quer se arerepender? Então, compre um desses smartphones

Quer se arerepender? Então, compre um desses smartphones

Compartilhe

Se arrependimento mata, eu não sei. Mas você pode sim querer morrer de desgosto se comprar um smartphone com um número de atualizações mais limitado do que aquele que você imagina merecer por conta do valor que você pagou pelo dispositivo.

Neste caso, a obsolescência programada estabelecida pelos fabricantes é o que realmente machuca neste caso. Mas outros fatores bem específicos podem resultar na não recomendação de compra de um dispositivo.

Um desses fatores é a segurança dos dispositivos em questão, pois alguns fabricantes deixem de enviar as atualizações de correção de brechas e vulnerabilidades, pois pretendem trabalhar nos modelos mais novos.

Neste post, vamos deixar uma lista de dispositivos que não são recomendados para a compra neste momento justamente pela ausência de atualizações futuras.

 

Uma longa lista de smartphones Android

Saber quantas atualizações que o seu smartphone Android ainda vai receber não é uma ciência exata, e é algo mais complicado do que pode parecer. Na verdade, é bem mais complexo do que parece.

Cada fabricante possui uma política de atualização onde é preciso contar com uma enorme dose de boa vontade para que o seu telefone receba um update. Ou seja, além dessa regra não ser fixa e variar de marca para marca, a explicação para abandonar um dispositivo que para de receber updates de software pode cair em um enorme campo do subjetivo.

Algumas marcas são mais generosas que outras em suas respectivas políticas de atualizações. Há quem decida se inspirar na Apple e oferecer três ou até quatro anos de updates para os seus dispositivos Android. Já outras marcas se limitam a entregar duas novas versões do sistema operacional, que é o mínimo que o Google exige hoje para os dispositivos que estão no mercado.

E temos também algumas marcas que sequer atualizam os seus telefones mais modestos. Não é mesmo, Motorola?

Enfim, o objetivo deste artigo é abrir os olhos de muitos usuários que estão interessados em comprar alguns modelos populares do passado, com o objetivo de pagar menos por produtos que ainda são competentes nas mãos de usuários menos exigentes.

O grande problema é que os dispositivos da lista abaixo estão encerrando o seu ciclo de vida com os seus respectivos fabricantes, já que serão descontinuados e não vão receber novas versões do Android. E isso vai transformá-los em produtos obsoletos, ou em pesos de papel chique.

São eles:

  • Google Pixel 3
  • Samsung Galaxy S8
  • Xiaomi Mi 10T Pro
  • Realme 7
  • Huawei P20 Pro
  • Redmi Note 8 Pro
  • OPPO Find X
  • OnePlus 7 Pro

Alguns dos modelos mencionados nessa lista ainda contam com uma ótima reputação e até podem entregar um bom desempenho para as tarefas do dia a dia, mesmo com alguns anos de uso. Porém, o fato desses modelos não mais receberem atualizações do Android vai resultar em uma obsolescência programada indesejada para os usuários.

Ou seja, não vale a pena correr atrás desses smartphones, ou chegou a hora de aposentá-los se você tem um desses dispositivos em mãos hoje.

 

O que acontece se o meu smartphone não recebe atualizações?

Além de perder todas as novidades que o Google ou o fabricante tem a oferecer, a pior consequência para um dispositivo desatualizado é a ausência dos updates de segurança mais pertinentes, que são aqueles que podem corrigir brechas e falhas mais críticas presentes nos sistemas operacionais.

Dessa forma, o seu smartphone fica completamente vulnerável e exposto a novas ameaças, já que os atacantes certamente vão explorar as brechas presentes no seu dispositivo que não foram devidamente protegidas pelo fabricante do seu telefone.

No final das contas, as chances do seu telefone terminar infectado por todos os tipos de malwares são enormes sem as atualizações, e eu não sei se realmente vale a pena manter um telefone nessas condições apenas e tão somente porque o dispositivo ainda está funcionando em suas mãos, mesmo com tantos anos de uso.

Sem falar que o seu atual telefone vai começar a apresentar problemas de funcionamento, pois eventuais melhorias de software não são aplicadas ao dispositivo.

Por isso, reveja seriamente os seus conceitos caso esteja com um telefone desatualizado nas mãos, ou se pretende comprar um telefone usado para obter uma maior economia que pode se transformar em gastos ainda mais elevados no futuro.


Compartilhe