TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Por que recarregar o celular no carro é ruim? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Por que recarregar o celular no carro é ruim?

Por que recarregar o celular no carro é ruim?

Compartilhe

recarregar o smartphone no carro

Se você tem um carro, com certeza já precisou carregar a bateria do smartphone dentro do veículo pelo menos uma vez na vida. É uma praticidade que está ao seu alcance, mas que não é algo recomendado a se fazer.

Por mais útil que esse procedimento pareça (e, de fato é, pois faz você ganhar tempo), conectar o smartphone em uma porta USB disponível no painel ou console do carro durante a condução do veículo pode ser uma péssima ideia, principalmente se você faz isso todos os dias.

Vamos ver neste post como o ato de carregar a bateria do smartphone no carro pode afetar de forma negativa a vida útil do dispositivo.

 

 

 

Os efeitos colaterais da recarga do smartphone no carro

 

 

Não é tão difícil entender qual é o principal problema da prática da recarga do smartphone dentro carro, já que a explicação neste caso é bem simples.

A porta USB do carro não está especificamente pensada na recarga dos smartphones. Ela está disponível para conectar qualquer tipo de gadget compatível, inclusive aqueles que são menos potentes e exigem uma menor quantidade de energia para funcionar.

Por isso, conectar um smartphone para recarregar a bateria do carro fará com que essa recarga seja indiscutivelmente mais lenta do que em qualquer outra porta USB disponível, se tornando inútil quando o usuário mantém a tela do telefone ligada o tempo todo, algo bem comum para quem está usando o GPS ou o aplicativo de Mapas durante a condução do veículo.

Normalmente as portas USB presentes nos carros estão nos padrões USB 1.0 ou USB 2.0, oferecendo assim uma intensidade de corrente elétrica muito baixa para os padrões dos smartphones atuais. Os modelos mais novos de veículos podem oferecer padrões mais altos para este item, e com pelo menos 2A é possível carregar o telefone de forma minimamente decente.

Por isso, escolha veículos com portas USB mais novas, caso você realmente necessite realizar a recarga do smartphone enquanto dirige. E, ainda assim, tente evitar que essa prática se torne uma constante em sua vida.

As portas USB dos carros normalmente foram projetadas para receber pendrives para aquelas pessoas que gostam de ouvir as suas músicas enquanto dirige. Ou seja, a potência aqui é muito baixa. Tanto, que alguns telefones simplesmente param de carregar a bateria, mesmo quando estão conectados nessa porta.

Em termos práticos: se o smartphone ficar conectando e desconectando constantemente na porta USB com baixa potência de energia, a bateria do telefone pode aos poucos ficar danificada, sem falar no dispositivo que pode acabar bloqueado ou com algum problema interno mais sério.

No final das contas, nem tudo está perdido para quem vai recarregar a bateria dos smartphones no carro. Você pode continuar a fazer isso sem maiores problemas, mas tenha em mente que não é saudável utilizar desse expediente todos os dias e como a principal forma para recarregar a bateria enquanto dirige.

Uma alternativa para minimizar os danos das portas USB é utilizar no carro os carregadores adaptados ao acendedor de cigarro, que podem fornecer uma energia de até 12W. Ou quem sabe ter uma powerbank no carro, o que garante que você vai fazer a recarga de bateria do telefone em qualquer lugar.


Compartilhe