TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Por que eu SEMPRE preciso desconectar um pendrive com segurança do meu computador? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Por que eu SEMPRE preciso desconectar um pendrive com segurança do meu computador?

Por que eu SEMPRE preciso desconectar um pendrive com segurança do meu computador?

Compartilhe

Pode não parecer, mas esta é uma medida muito importante para a integridade dos dados armazenados no pendrive. Porém, muitas pessoas ainda não se deram conta disso em pleno 2022, e vão removendo o dispositivo da porta USB de qualquer maneira.

Eu sei que o nosso dia a dia é apressado, e qualquer tempo que ganhamos nas tarefas laborais ou cotidianas é útil. Porém, ter pressa neste caso pode resultar em danos irreversíveis aos arquivos armazenados no dispositivo.

E se você tem dados importantes para o seu trabalho nesse pendrive? Se perder essas informações, o problema pode acabar custando o seu emprego! Já pensou nisso?

Por isso, vale a pena gastar alguns minutos de sua vida para entender por que é fundamental remover o pendrive do computador com segurança.

 

 

 

Cada escolha tem as suas consequências

Na hora de encerrar uma tarefa no computador que envolve o uso de uma unidade de armazenamento externa (ou até mesmo um outro dispositivo conectado, como é o caso do smartphone ou tablet), você tem duas alternativas:

Ou ir até a área de gerenciamento dos dispositivos conectados no Windows e clicar no item de remoção de forma segura na porta USB;

Ou desconectar o pendrive do computador de qualquer maneira, sem medo de ser feliz e como se não houvesse o amanhã.

A discussão sobre quem estava certo entre os dois tipos de pessoas descritas acima (ou sobre as duas importantes decisões que você deveria tomar na vida) perdurou durante décadas, e a resposta correta sempre foi (e, penso eu, sempre vai ser), aquela que envolve o processo mais lento e protocolar.

E aqui, não existe outra alternativa, gambiarra ou atalho rápido: a forma correta para desconectar um pendrive da porta USB é realizando a remoção deste item de forma segura no computador, tal e como o Windows sempre recomendou.

O que poucas pessoas explicaram até agora é a explicação técnica para convencer os mais apressados que o método mais lento sempre foi o mais correto.

 

 

 

Afinal de contas, por que você deve remover o pendrive com segurança?

Uma vez que você conecta um pendrive em um computador, o dispositivo USB e o PC estão diretamente conectados, não apenas no aspecto físico, mas também no que se refere à troca de informações e dados com o sistema operacional e no nível energético. E esse é um tipo de casamento que não pode ser desfeito de qualquer forma.

Aqui, você atua como advogado no litígio temporário entre as partes. Mesmo porque o pendrive e o PC farão aquele flashback safado quando você precisar.

Mesmo que os dois dispositivos não estejam compartilhando arquivos entre si, existe uma dependência direta entre eles, principalmente do lado do USB em relação ao computador. Afinal de contas, tem uma pequena quantidade de energia que está rolando entre eles.

Logo, esse elo não pode ser quebrado de forma repentina. Desconectar de forma brusca o pendrive de uma porta USB ativa não só pode fazer com que os arquivos armazenados nele sejam corrompidos (de forma irreversível ou não), como também pode fazer com que o próprio dispositivo se torne um inútil, já que as chances dele queimar ou apresentar algum defeito físico são enormes.

E é por causa disso que o seu pendrive novinho começou a apresentar problemas de leitura, de formatação e erros aleatórios. Porque você estava com muita pressa e decidiu retirar o dispositivo da porta USB rapidamente.

No final das contas, se o seu computador ou smartphone precisam de um tempo para desligar por completo, o pendrive também precisa deste tempo para entender que não será mais usado para ser removido de forma segura.

Lembre-se: a pressa sempre é inimiga da perfeição. Com exceção do Usain Bolt, é claro.


Compartilhe