Compartilhe

Deixar o smartphone sem riscos ou marcas de uso é uma missão complicada. Mesmo colocando um bom case para proteger o corpo do dispositivo, acidentes podem acontecer. E há quem diga que tais marcas no telefone podem ser removidas com alguns truques que são divulgados na internet.

Será mesmo?

Não é porque está na internet que significa que é verdade. Por isso, temos que ir com calma na hora de tentar qualquer truque que promete remover as marcas de uso ne smartphone. E esse post existe para eliminar mitos e consolidar verdades sobre esse tema.

 

 

 

O que (definitivamente) não funciona

 

Muitos métodos que prometem recuperar a tela do telefone (por exemplo) simplesmente não funcionam, e podem até piorar a situação, danificando o smartphone de forma mais profunda.

Por isso, vale a pena compartilhar primeiro a lista dos truques que não servem para nada para recuperar marcas de uso e arranhões no smartphone e, por consequência, você não deveria tentar de jeito nenhum:

 

  • Pasta de dentes
  • Bicarbonato de sódio
  • Vaselina
  • Cascas de maçã, banana e outras frutas
  • Óleos ou géis
  • Lixa
  • Talco
  • Esmalte de unhas

 

Ou seja, qualquer produto baseado em componente químico pode danificar a tela e outros componentes do smartphone de forma definitiva, já que são produtos abrasivos que afetam diretamente a tela ou o corpo do dispositivo.

Outros elementos são basicamente lendas urbanas. Cascas de frutas e pastas de dentes nunca funcionaram de verdade. Lixa, então? Nem pensar! Ela vai destruir o acabamento do seu telefone.

 

 

 

Métodos que funcionam contra arranhões nos smartphones

 

Alguns pequenos truques podem ajudar na redução ou remoção dos arranhões no smartphone. São poucas opções e, ainda assim, você precisa dedicar um bom tempo de sua vida para obter bons resultados. Mas… o que seria da sua vida se você não tem um pouco de paciência, não é mesmo?

 

  • A borracha mágica
  • Reparadores de vidro
  • Ceras de polimento sem abrasivos
  • Pasta de polimento

 

Esses produtos podem entregar resultados excelentes para remover arranhões nos smartphones, tanto na tela como para as bordas nas laterais e na parte traseira, com diferentes materiais (cristal, plástico ou alumínio).

Todos os métodos válidos exigem uma boa dose de paciência e repetição no processo de polimento do dispositivo. E, ainda assim, tome cuidado para não danificar o dispositivo no processo. Siga com atenção o manual de instruções dos produtos que vai utilizar.

E realize o procedimento tapando todas as entradas do smartphone, respeitando cada técnica para eliminar arranhões de tela e corpo (sim, elas são diferentes).

E, de novo: esqueça da pressa na sua vida. Caso contrário, não só o seu telefone não vai perder as marcas de uso, como vai precisar receber a visita de uma assistência técnica para resolver eventuais estragos provocados pela tentativa apressada de resolver o problema.


Compartilhe