Press "Enter" to skip to content
Você está em | Home | Smartphones | Motorola Edge 40 no Brasil: até que passa de ano com esse preço…

Motorola Edge 40 no Brasil: até que passa de ano com esse preço…

Compartilhe

Eu não ia escrever absolutamente nada sobre o Motorola Edge 40, porque é sexta-feira, e faz algum tempo que eu só trabalho quatro dias na semana. Mas como é um lançamento nacional e eu me dei ao trabalho de fazer a pesquisa no Google, aqui estou para compartilhar pensamentos polêmicos.

Não vou ficar guardando o melhor para o final, e entrego logo de cara que o Motorola Edge 40 tem preço sugerido por aqui de R$ 3.999 (ou R$ 3.599 à vista). É claro que você pode encontrar ele por menos, dependendo do e-commerce e da forma de pagamento. Mas entendemos claramente que a Motorola posicionou o modelo como um topo de linha por aqui.

Então, só me resta olhar para o que esse telefone realmente tem de bom, e comparar com modelos da concorrência dentro de sua faixa de preço para descobrir se ele é mesmo um bom negócio.

 

O Motorola Edge 40 tem de bom (além da cor Pantone)?

 

O foco claro da Motorola (sem trocadilhos) está na capacidade fotográfica do Motorola Edge 40, com um sensor principal de 50 megapixels com abertura f/1.4. Ou seja, pelo menos em teoria, você vai registrar fotos melhores em condições com baixa luminosidade, combinando com um efeito bokeh que deve agradar aos usuários.

A ideia é também obter um registro de fotos mais rápido, um sistema eficiente de calibração de cores e o sensor de luz ambiente inteligente. Tudo isso para você não perder a foto daquela garota na balada que você quer mandar a mensagem do WhatsApp no dia seguinte (ou não, porque você é um boy lixo).

O Motorola Edge 40 tem outras coisas que podem chamar a atenção dos mais exigentes: tela pOLED FullHD+ de 6.55 polegadas e taxa de atualização de 144 Hz (com HDR10+, e isso é importante também), proteção IP68, 8 GB de RAM, 256 GB de armazenamento, processador MediaTek Dimensity 8020 (e esse não é o chip mais avançado da marca, e é bom deixar isso registrado) e bateria de 4.400 mAH com recarga rápida TurboPower de 68W (que carrega de 0% a 50% em apenas 15 minutos).

Ah, sim… claro… como me esquecer disso… o Motorola Edge 40 tem o seu acabamento na cor do ano da Pantone, o Viva Magenta (a.k.a. vermelho), além das opções preto e verde para os mais discretos.

 

Qual vai ser a concorrência do Motorola Edge 40 no Brasil?

O Motorola Edge 40 vai bater de frente no Brasil com alguns dos seus concorrentes diretos em nosso mercado, que são as marcas que sempre se estapearam com a própria Motorola pela preferência do consumidor brasileiro.

Para citar alguns exemplos dentro da minha pesquisa rápida (porque, de novo, é sexta-feira, e eu tenho mais o que fazer), o Motorola Edge 40 tem a concorrência do ASUS Zenfone 9 com as mesmas especificações técnicas. O Samsung Galaxy S23 pode ser encontrado mais barato que ele, e até para quem quer arriscar o Lenovo Legion Phone Duel pode ser encontrado pelo mesmo preço que ele.

E quando digo “arriscar”, é porque a Lenovo descontinuou a sua linha de smartphones Legion no mundo todo.

E isso, porque não estou considerando os smartphones importados (onde, em sua maioria, são mais baratos como intermediários premium, já que os modelos topo de linha tendem a custar mais caros com as taxas), e os telefones top de linha do ano passado.

Então, a boa notícia para a Motorola é que os adversários são poucos, e depende basicamente dela mesma (a própria Motorola) o sucesso do Motorola Edge 40 no Brasil.

 

Eu compraria o Motorola Edge 40?

Não.

Eu não compraria o Motorola Edge 40 por causa da nefasta política de atualizações do Android adotada pela marca. Mas nem por isso deixaria de recomendá-lo.

Para a grande maioria das pessoas que já são fãs da Motorola, dizer que não vale a pena comprar é um ato inútil. Então, eu pelo menos posso dizer que ele é muito promissor, e seu preço está bem ajustado para a sua realidade prática de mercado.

Tudo bem, eu ainda acho que o Galaxy S23 da Samsung pode ser uma pedra no sapato desse telefone por conta da relação custo-benefício. Mas é preciso considerar também a experiência de uso que a Motorola já tem como estabelecida entre os seus consumidores.

Parando para pensar, se o Motorola Edge 40 ficar na frente do ASUS Zenfone 9 (que já tem meses de mercado) nas vendas aqui no Brasil, já dá para ser considerada uma vitória para a marca da Lenovo.

Mas vou reforçar a mensagem dos últimos meses…

Dona Motorola… não ferra com tudo nesse telefone! Entregue as atualizações do Android para os seus clientes, que pagam caro pelos seus produtos.

E é isso. Vou voltar para as minhas séries no streaming.


Compartilhe