TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Lojas se negam a vender o Android One, depois de decepcionantes vendas online | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | Lojas se negam a vender o Android One, depois de decepcionantes vendas online

Lojas se negam a vender o Android One, depois de decepcionantes vendas online

Compartilhe

spice-android-one

As estimativas de vendas do Android One, linha de smartphones de baixo custo com a tutela da Google, parecem não ser as esperadas. Apenas 12% desses dispositivos foram adquiridos via internet, algo que fez com que as lojas físicas indianas parceiras dos fabricantes envolvidos nesse projeto não queiram mais vender os dispositivos.

O motivo para essa decisão seria também uma ‘pequena vingança’ dos varejistas diante da recusa inicial dos fabricantes em vender os modelos com eles. Além disso, a margem de lucro dos dispositivos Android One fica na faixa entre 3-4% em relação ao seu preço de venda, quando o normal (na Índia, onde o Android One estreou oficialmente) é que essa margem se posicione entre 9-10%.

Isso fez com que muitas lojas na Índia considerem uma grande perda de tempo e recursos a oferta desse tipo de smartphones. Não só isso: a impressão deixada é que o segmento de smartphones a US$ 100 já conta com produtos suficientemente  bons, dificultando o sucesso do Android One.

Mesmo assim, Spice e Karbonn – duas empresas que já contam com modelos Android One no mercado – revelam que as vendas em lojas físicas de seus produtos estão sendo satisfatórias. A Spice vendeu 100 mil unidades do modelo Dream, onde 80% foram compradas offline, enquanto que a Karbonn vendeu 3 mil unidades diárias do Sparkle V em lojas físicas. A Micromax não revelou detalhes sobre esse segmento.

Ao que tudo indica, o Android One já tem o seu primeiro grande obstáculo a caminho do sucesso.

Via The Economic Times


Compartilhe