Press "Enter" to skip to content
Você está em | Home | TV Por Assinatura e Streaming | Como funciona o NFL RedZone na ESPN no Star+

Como funciona o NFL RedZone na ESPN no Star+

Compartilhe

A ESPN no Brasil traz como grande novidade para as suas transmissões da temporada 2022-2023 do futebol americano o NFL RedZone, que nada mais é do que uma maneira bem diferente para acompanhar os jogos da rodada de um esporte que não para de ganhar audiência e popularidade em nosso país.

A iniciativa faz parte de todo o investimento que o Grupo Disney está fazendo na ESPN por aqui e na sua plataforma de streaming Star+, que não para de agregar conteúdos relevantes para os fãs de esportes. Porém, só dava para saber como tudo efetivamente iria funcionar após a primeira rodada da NFL.

Neste artigo, vamos apresentar o NFL RedZone, como ele funcionou na prática por aqui e responder a pergunta mais importante para muitas pessoas que estão chegando ao futebol americano neste momento: ainda vale a pena assinar o NFL Game Pass?

 

O que é o NFL RedZone?

O NFL RedZone é um formato de transmissão da rodada dominical do campeonato de futebol americano da National Football League que tem como principal objetivo mostrar os principais lances de todos os jogos em temo real.

O termo “RedZone” vem de uma das expressões utilizadas no jogo do futebol americano referente à mecânica do próprio jogo. Quando o time que está atacando posiciona a bola a partir das 20 jardas em direção à linha de pontuação ou “endzone”, esse time está na área de “redzone”, ou seja, zona vermelha de alerta máximo para a defesa. Ou seja, um indicativo claro que quem está atacando está prestes a marcar pontos na partida.

O formato já existe nos Estados Unidos a alguns anos, e é um dos favoritos dos fãs da NFL que participam de campeonatos de Fantasy Game. Através dele, é possível acompanhar o desempenho de uma equipe e de um jogador em específico, e conferir como o seu jogo virtual vai se desenvolvendo.

Além disso, o NFL RedZone é uma excelente alternativa para os fãs de futebol americano que não contam com um time específico para torcer, e que desejam se manter o maior tempo possível ligado na tela da TV para acompanhar os principais lances dos jogos de momento.

Dá para imaginar como o NFL RedZone será útil nas rodadas finais da temporada regular, que é quando as últimas vagas para os playoffs são definidas. Acompanhar vários jogos ao mesmo tempo em dezembro será uma experiência mais que interessante.

 

Como funciona o NFL RedZone?

Para a grande maioria dos fãs brasileiros da NFL que nunca assinaram o NFL Game Pass, a apresentação oficial do NFL RedZone aconteceu em 11 de setembro de 2022.

O grande diferencial da proposta da ESPN é contar com uma produção regionalizada para o NFL RedZone, com narração e comentários em português do Brasil, o que deixa a plataforma ainda mais atraente para quem já conhece, e mais acessível para quem está chegando ao esporte.

Pelo menos neste primeiro momento, o NFL RedZone terá a narração de Conrado Giulietti e comentários de Paulo Antunes. Ambos vão conduzir os trabalhos de cada rodada direto dos Estados Unidos. Porém, nada impede que o time brasileiro da ESPN assuma essa missão de forma eventual, uma vez que alguns problemas técnicos aconteceram nessa primeira transmissão de domingo, obrigando que narradores do Brasil narrassem alguns dos momentos exibidos em tela.

A mecânica de funcionamento do NFL RedZone é simples: os jogos nos horários de 14h e 17h acontecem de forma simultânea (normalmente são quatro jogos ao mesmo tempo em cada janela de horário), e quando um jogo tem um dos times em área de redzone, a tela principal vai exibir essa partida até a conclusão do ataque (seja com uma pontuação via touchdown ou field goal, seja por uma mudança de posse de bola).

Quando dois ou mais jogos estiverem nessa situação de redzone, o sistema multitela entra em ação, e o fã de esporte poderá acompanhar, de forma simultânea, todas as conclusões das jogadas em área de pontuação.

Se alguma pontuação acontece fora da área de redzone (por exemplo, um field goal da linha de 50 jardas, ou um tochdown com um passe de 30 jardas ou mais), a transmissão corta para exibir o replay desse momento.

Ou seja, quem acompanhar os jogos via NFL RedZone terá a chance de ver cada pontuação de cada jogo da rodada, sem perder nenhum lance importante ou relevante de todas as partidas que estão acontecendo naquele momento.

Essa é uma experiência plena e inédita de futebol americano no Brasil, colocando a NFL em outro patamar em nosso país. Beira o óbvio o que vou dizer, mas qualquer fã desse esporte vai querer ter o NFL RedZone ao seu dispor.

Mas… existem alguns pontos de observação neste processo.

 

Ainda faz sentido assinar o NFL Game Pass?

Por incrível que pareça, sim.

O NFL RedZone com narração e comentários em português do Brasil é sim uma revolução para os fãs do esporte em nosso país. É algo mais que bem-vindo e deve ser comemorado por todos nós. Porém, existe um grande detalhe que ainda torna válida a proposta do NFL Game Pass no país.

A essa altura do artigo, você já deve saber ou perceber que o NFL RedZone está atrelado à ESPN e, por consequência, ao Star+. Ou seja, apenas os assinantes da plataforma de streaming vão receber esse formato de transmissão que foi descrito neste artigo (não tenho informações se o NFL Game Pass vai importar o formato para a sua plataforma no Brasil).

Ou seja, você tem que assinar o Star+ para receber o NFL RedZone em português do Brasil. Algo que, sinceramente, não é difícil imaginar que, neste momento, muitos fãs de futebol americano já estão pagando pelo serviço da Disney justamente por causa da transmissão dos principais eventos da ESPN.

Apesar do Star+ não exibir todos os jogos que passam na ESPN (apenas os jogos que são exibidos na ESPN2), a qualidade de imagem desse streaming é simplesmente espetacular. É muito superior aos serviços de TV por assinatura, e custa muito menos que os valores cobrados pelas operadoras de TV paga.

Por outro lado, o NFL Game Pass ainda é a experiência mais completa para os fãs mais viscerais do futebol americano.

Todos os jogos são exibidos na íntegra, o NFL RedZone está incluído no serviço, e o NFL Network ainda é exclusivo dessa plataforma, mostrando toda a transmissão em áudio original, incluindo os comerciais dos Estados Unidos durante o Super Bowl.

Além disso, o NFL Game Pass conta com jogos históricos, documentários e conteúdos exclusivos e todo um arsenal de conteúdo que só pode ser encontrado por essa plataforma, o que torna o serviço ainda muito útil e válido para quem é apaixonado pelo futebol americano.

E o NFL Game Pass oferece tudo isso por um preço acessível. O serviço, que já custou bem mais caro por aqui, pode ser adquirido no plano PRO (o mais completo) neste momento (em setembro de 2022), por R$ 385 reais por ano (esse valor pode ser parcelado em até 4 vezes sem juros no cartão de crédito). Ou R$ 32, quando fracionado por 12 meses.

Sem falar que a versão gratuita do NFL Game Pass tem o sinal da NFL Network liberado em modo 24/7, o que já é um baita complemento para quem preferir seguir consumindo os conteúdos via ESPN.

Ou seja, as duas propostas – a da ESPN como a do NFL Game Pass – podem coexistir no Brasil sem maiores problemas.

Quem prefere ter a narração e os comentários em português do Brasil, quer acompanhar vários times ao mesmo tempo e uma cobertura com a experiência de mais de 30 anos de qualidade comprovada, a ESPN com Star+ é uma excelente alternativa que ficou ainda melhor com o NFL RedZone.

Já para os fãs mais apaixonados pelo futebol americano que contam com um time para torcer e quer acompanhar todos os jogos do seu time do coração, pode simplesmente trocar a assinatura do Star+ e investir o dinheiro no NFL Game Pass no formato PRO, e vai se dar muito bem com isso.

E, como sempre, no final… a escolha é sua.


Compartilhe