TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Por que mudaram os nomes nos canais ESPN? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | TV Por Assinatura e Streaming | Por que mudaram os nomes nos canais ESPN?

Por que mudaram os nomes nos canais ESPN?

Compartilhe

Confesso que não é algo que me agradou, mas… é o que temos para hoje.

O fim da ESPN Brasil doeu para muitos fãs de esportes que cresceram assistindo a este canal. Porém, a Disney quis assim. Agora, esse canal se chama ESPN. E nada mais.

O problema é que essa alteração veio acompanhada de outras que deram uma bagunçada na cabeça de muitos assinantes. Os mais distraídos se perderam na grade de programação da SKY TV, apesar de aparentemente nada ter mudado de forma tão drástica.

Neste post, vamos explicar as mudanças dos nomes nos canais ESPN, como isso impactou a grade da SKY Brasil e por que o grupo Disney tomou essa decisão.

 

 

 

Vamos lá. 1, 2, 3, 4…

A ESPN bem que se esforçou para explicar as mudanças. Seus narradores e comentaristas foram até as redes sociais e publicaram de forma quase exaustiva a nova nomenclatura dos canais. Porém, todo mundo se esqueceu que cada operadora de TV por assinatura vive a sua realidade na numeração de cada conteúdo.

O resultado disso? Muitos assinantes da SKY Brasil completamente perdidos com o “desaparecimento” da ESPN Brasil. Alguns chegaram a perguntar para a operadora onde iriam assistir o Linha de Passe.

Em termos práticos, nada mudou na programação, nem mesmo na numeração dos canais na SKY. O que a ESPN fez foi um rebranding, ou seja, rebatizou os nomes de cada um dos canais, mas mantendo os seus conteúdos originais.

A partir de agora, vamos explicar como ficaram os novos nomes, sempre na ordem NOME ANTIGO primeiro > NOVO NOME depois.

  • ESPN Brasil > ESPN (o canal onde normalmente você vê os programas de debates esportivos, principais transmissões de futebol europeu e o SportsCenter com o Amigão e o Anterão).
  • ESPN > ESPN 2 (o finado ESPN International ainda é o canal principal para a exibição dos esportes americanos, torneios de tênis, jogos de futebol europeu e o SportsCenter com Scott Van Pelt).
  • ESPN 2 > ESPN 3 (canal dedicado para as transmissões secundárias dos esportes americanos e torneios internacionais de futebol, além de algumas reprises de eventos importantes).
  • Fox Sports > ESPN 4 (canal que é a casa da velocidade, com Moto GP, Fórmula Indy e WRC entre outros, além dos torneios de futebol europeu, Copa do Nordeste e jogos alternativos da Libertadores).
  • Fox Sports 2 > Fox Sports 2 (canal que será a casa da Libertadores por força de acordo com o CADE até o final de 2022. Sim, isso mesmo: o Fox Sports 2 existe sem o 1, e não me pergunte por que).
  • ESPN Extra > ESPN Extra (principal canal de reprises da ESPN, além de alguns eventos exclusivos e ao vivo, como é o caso do WWE).

Dito isso, a numeração desses canais na SKY (em versão HD) ficou assim:

  • ESPN: 598
  • ESPN 2: 597
  • ESPN 3: 599
  • ESPN 4: 573
  • FOX SPORTS 2: 595
  • ESPN Extra: 600

 

 

 

Por que a ESPN fez isso?

Uma vez que o grupo Disney assumiu o controle das operações da ESPN no Brasil e, principalmente, depois que comprou a Fox ao redor do mundo, foi estabelecida uma política voltada para unificar a marca e a experiência do canal em toda a América Latina.

Dessa forma, não apenas a estética de estúdios, chamadas publicitárias, gráficos de gerador de caracteres e outros elementos estéticos foram unificados, mas também a nomenclatura dos canais.

A ideia da ESPN é que o assinante saiba qual canal está assistindo em qualquer lugar do mundo pelo simples fato de ligar a TV e identificar aquela informação pessoal. Algo parecido com o que a MTV fez ao longo da década passada.

Pode não ser algo que acabou agradando aos assinantes brasileiros, uma vez que a ESPN tinha identidade própria no Brasil. Por outro lado, a nova ESPN está recebendo mais e mais eventos esportivos em sua grade de programação, e isso deve estar agradando a boa parte da audiência.

Enfim… essas são as mudanças na nomenclatura dos canais ESPN. E é o que temos para hoje.


Compartilhe