Wetten.com Brasil Apostas
Home » Notícias » Windows 7 vai receber um ano de suporte adicional de graça da Microsoft, porém…

Windows 7 vai receber um ano de suporte adicional de graça da Microsoft, porém…

Compartilhe

Não acaba nunca.

A Microsoft iniciou uma curiosa promoção que inclui um ano de suporte estendido ao Windows 7 de graça. Algo estranho, já que (em teoria) a mesma Microsoft quer acelerar a transição para o Windows 10.

Mas tudo tem uma explicação.

O motivo para esse suporte adicional é que a Microsoft sabe que o Windows 7 ainda possui uma enorme base de usuários, eque nem todos terão migrado para o Windows 8.1, Windows 10 ou qualquer outro sistema operacional com suporte oficial antes de 14 de janeiro de 2020.

Com o programa de suporte estendido, a Microsoft deixa claro que o final do Windows 7 será um novo Windows XP, e não quer que os usuários passem pelos mesmos problemas do passado. Empresas e profissionais estão de olho nesse suporte estendido, e esse ano adicional de graça nada mais é do que uma forma da Microsoft fazer caixa na reta final do Windows 7.

O ano de suporte estendido de graça para o Windows 7 vale para todos os clientes que contam com uma assinatura ativa do Windows Enterprise E5, Microsoft 365 E5 ou Microsoft 365 E5 Security. Se as assinaturas finalizarem antes que vença o ano de suporte gratuito e não forem renovadas, o cliente perde o tempo restante de suporte, e terá que pagar por ele, ou simplesmente vai ficar sem o suporte.

 

 

E os demais usuários do Windows 7?

A notícia fez despertar rumores sobre a possibilidade da Microsoft em oferecer uma extensão menor do suporte do Windows 7 quando o sistema operacional encerrar o seu ciclo de vida, sempre que esse suporte seja “estritamente necessário”.

E aqui está a controvérsia: o que é “estritamente necessário”?

Podemos pensar em um cenário onde o Windows 7 ainda tem uma cota de mercado com mais de 30%, e um fim abrupto do suporte coloca em risco uma grande massa de usuários. É difícil imaginar que isso vai acontecer, ou seja, não devemos ter o suporte estendido para o usuário final do Windows 7, ainda que contemple uma única exceção que foi, curiosamente, a mesma do Windows XP: a descoberta de uma vulnerabilidade tão grave que é preciso liberar correções de emergência.

Este caso seria excepcional e não um verdadeiro suporte estendido. Simplesmente é uma medida de urgência para resolver um caso pontual.

 

Via Wccftech


Compartilhe