Você nem percebeu, mas o Windows 10 Mobile ainda está vivo (apesar de vários posts escritos por nós afirmar exatamente o contrário). Porém, faltava a Microsoft desligar os aparelhos do sistema operacional de forma oficial.

A Microsoft deixou de atualizar vários smartphones (Lumia e de outras marcas) par ao Windows 10, e encerrou o suporte para o Windows Phone 8.1. Os apps importantes abandonaram a plataforma e, em 2017, a cota do Windows 10 Mobile era de apenas 0.1%.

Em outubro de 2017, Joe Belfiore confirmou no Twitter que novas funcionalidades não seriam desenvolvidas para o sistema operacional móvel, mas o suporte para o Windows Phone ainda estava ativo, com atualizações de segurança e correções de erros.

Até hoje. A Microsoft comunicou oficialmente que o suporte ao Windows 10 Mobile chega ao fim em dezembro de 2019.

 

 

A última pá de cal

 

 

Faz mais de um ano que a Microsoft jogou a toalha, e deixou o mercado mobile nas mãos do iOS e do Android. Em abril de 2018, a empresa vendeu o seu último smartphone com Windows Mobile na sua página oficial.

Na página de suporte, a Microsoft comunica que “o Windows 10 Mobile, versão 1709 (lançado em outubro de 2017) é a última versão do Windows 10 Mobile, e a Microsoft vai finalizar o suporte em 10 de dezembro de 2019. Os usuários do Windows 10 Mobile não receberão novas atualizações de segurança, correções de erros, suporte ou atualizações de conteúdo técnico da Microsoft de forma gratuita”.

Além disso, a empresa reforça que “com o fim do suporte do Windows 10 Mobile OS”, aconselha aos usuários que ainda não o fizeram que “passem para um dispositivo Android ou iOS compatível”, plataformas onde a Microsoft já tem um completo ecossistema de aplicativos nativos.

 

 

Uma vez que a Microsoft retirar o suporte em dezembro, as cópias de segurança dos dispositivos e alguns aplicativos continuarão funcionando por mais três meses, até o dia 10 de março de 2020, e alguns serviços que incluem a cópia online das fotos e a restauração de um dispositivo a partir de uma cópia de segurança existente poderão seguir funcionando “por até 12 meses depois do final do suporte”.

Em resumo: a Microsoft marcou a data da morte oficial do Windows 10 Mobile. Se fará falta, eu não sei. Mas não era um sistema operacional tão ruim assim.

 

Via The Verge