Compartilhe

Produtos que são descritos como “recondicionados” podem assustar a muitos consumidores que encaram a compra como um investimento e desejam minimizar os riscos em acabar com um produto defeituoso nas mãos.

Mas é minha obrigação esclarecer ao consumidor que “recondicionado” não pode ser encarado como um termo tão assustador assim. Produtos com essa descrição são, de um modo geral, equipamentos eletrônicos, videogames ou smartphones que custam menos que os produto normais, mas que passaram por algum tipo de reparo ou manutenção prévia antes de serem colocados no mercado.

E aqui, vou dizer para você se vale ou não a pena comprar um produto recondicionado.

 

 

Ainda é um produto de qualidade

 

 

O fato de um dispositivo ser recondicionado não significa que ele é de menor qualidade que um produto novo. Pelo contrário: a qualidade é a mesma de um produto zero quilômetro, mas com um diferencial importante.

De um modo geral, os produtos recondicionados são recolocados no mercado após uma vistoria geral da loja ou e-commerce, depois que os mesmos retornam dos seus proprietários originais, e não necessariamente porque o produto apresentou algum tipo de defeito com o antigo comprador.

Um produto recondicionado é um produto devolvido pelo cliente, que teve a sua embalagem aberta ou que foram levemente danificados durante a manipulação dentro dos armazéns ou estoques da loja física ou e-commerce.

E quando falamos em “pequenos danos”, queremos dizer exatamente isso. Literalmente. Pequenas pancadas que podem se materializar em arranhões ou leves amassados. Fora isso, são produtos perfeitamente funcionais.

A tendência é que um produto recondicionado passe por uma revisão mais apurada nos e-commerces e lojas, justamente para detectar se o item apresenta algum problema mais grave e, dessa forma, passe por uma reparação. E justamente por causa desse processo de revisão e reparação é que esse tipo de produto pode entregar a mesma qualidade que um produto novo.

 

 

É normal ver as pessoas desconfiando de um produto recondicionado, mas esse comportamento desaparece se a experiência prática com esse tipo de compra se torna satisfatória.

Ou seja, aqueles usuários que desejam economizar algum dinheiro com uma oferta de algum produto recondicionado, pode investir o seu dinheiro nesse tipo de compra sem medo. Especialmente se você não tem problemas com produtos que foram abertos de forma prévia ou com pequenos problemas estéticos. É comum ver esse tipo de produto com descontos incríveis no preço final ou na modalidade de pagamento.

Vale a pena dar uma chance. Você não vai se arrepender.


Compartilhe