Compartilhe

A Mobile World Congress 2020 não para de sofrer baixas. A lista de desistentes acaba de receber mais um nome de peso: a Sony. E o motivo não poderia ser outro: a ameaça do coronavírus. E a sombra dessa doença está chegando à Barcelona, e isso é um fato.

 

 

Mais baixas

 

Antes da Sony, a lista de desistentes da MWC 2020 já contava com nomes como LG, Amazon, NVIDIA, Ericsson e ZTE (em partes), mas outros nomes confirmaram a presença ao evento, de modo que a GSMA segue se preparando para que tudo aconteça dentro de uma relativa normalidade.

A Sony ainda não havia confirmado de forma oficial a sua presença na Mobile World Congress 2020, de modo que ainda haviam algumas esperanças que a japonesa se fizesse presente no evento. Porém, tudo mudou hoje (10), com o comunicado oficial da empresa.

“A Sony vem monitorando de perto a situação após o novo surto de coronavírus, que foi declarado uma emergência global pela Organização Mundial da Saúde em 30 de janeiro de 2020. Desde que atribuímos a maior importância à segurança e bem-estar de nossos clientes, parceiros, mídia e funcionários, tomamos a difícil decisão de nos retirar da apresentação e participação na MWC 2020 em Barcelona, Espanha. A conferência de imprensa da Sony agora acontecerá no horário programado às 8h30 (horário de Brasília) de 24 de fevereiro de 2020 através de um vídeo em nosso canal oficial do Xperia no YouTube, para compartilhar nossas emocionantes novidades sobre produtos. A Sony gostaria de agradecer a todos por sua compreensão e apoio contínuo durante esses tempos difíceis.”

A decisão chega em um momento delicado para o evento, onde mais e mais fabricantes confirmam a sua saída da MWC 2020. A Sony confirma que, se os jornalistas desejarem, as viagens que a empresa ofereceu para Barcelona estão mantidas, mas a sua apresentação na feira está oficialmente cancelada.

 

 

Ainda restam alguns dias, e muita coisa pode mudar

Dentro de tudo o que posso observar, não dá para dizer (nem de longe) que a Mobile World Congress 2020 vai acontecer dentro de um cenário de normalidade. E, por mais que possa parecer precipitado ou pessimista demais, já dá para levantar a pergunta de US$ 1 bilhão (sim, bilhão): será que a MWC 2020 vai mesmo acontecer?

Não é nenhum absurdo afirmar isso. Algumas das grandes marcas desistiram do evento, enquanto que outras confirmaram a sua presença ou estão com presença limitada. É claro que a MWC 2020 pode acontecer, mas será enfraquecida na sua visibilidade e presença. E é a GSMA quem precisa avaliar se realmente vale a pena realizar um evento nesses moldes.

Dito isso, só podemos dizer que, pelo menos por enquanto, a Mobile World Congress 2020 está agendada para acontecer entre os dias 24 e 27 de fevereiro de 2020, em Barcelona. Até segunda ordem. Caso apareçam novidades relacionadas ao assunto, o TargetHD.net vai seguir informando ao leitor em novos posts diários.

E se a feira de Barcelona realmente acontecer, você terá a nossa habitual cobertura, com a publicação de todos os lançamentos e notícias que aparecerem por lá.

 

 

Via Sony


Compartilhe