O Sonos Amp oferece o som em vários ambientes da casa e sem cabos. Está com tamanho muito menor em relação aos modelos anteriores, mas aumentando as suas possibilidades.

O Sonos Amp quer transformar os seus alto-falantes em fontes de som multi-habitação, oferecendo uma economia (evitando comprar alto-falantes adicionais) e uma evolução. O produto possui dimensões de 22 x 6,4 cm e peso de 2.1 kg, e abriga um amplificador de 125 W por canal, mais que o dobro do modelo anterior, o Connect:Amp.

 

 

É possível conectar até quatro outros alto-falantes adicionais, configurando via aplicativo dois pares estéreo ou dois (ou quatro) alto-falantes mono. Uma saída para subwoofer pode ser utilizada para usar alto-falantes compactos combinados com uma caixa de graves.

O produto da Sonos é compatível com todos os serviços de streaming de música, e com qualquer rádio via internet, oferecendo acesso à milhões de músicas presentes no Spotify, Apple Music ou Tidal, entre outros. Mas também conta com entradas convencionais, como HiFi, RCA estéreo padrão e HDMI, com a tecnologia Audio Return Channel (ARC), reproduzindo o som da TV.

 

 

O controle do Sonos Amp é via smartphone (iOS), onde podemos medir e corrigir a acústica da sala (TruePlay). É compatível com o AirPlay 2, e pode ser utilizado com outros Sonos para formar um sistema de cinema em casa.

 

 

O Sonos Amp chega ao mercado em fevereiro de 2019, e seu preço sugerido é de 699 euros. É um produto caro, mas leve em consideração a comodidade de uso e a qualidade de som que oferece.