Quais são os hábitos de quem compra online (em fevereiro de 2019) | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Quais são os hábitos de quem compra online (em fevereiro de 2019) | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | Quais são os hábitos de quem compra online (em fevereiro de 2019)

Quais são os hábitos de quem compra online (em fevereiro de 2019)

Compartilhe

Um estudo realizado pelo DPDGroup mostra o comportamento dos usuários que realizam compras online com maior frequência.

Os novos compradores, que já estão acostumados a comprar online, são mais exigentes. 15% dos novos e-shoppers começaram a comprar na internet há menos de dois anos. E esse pequeno grupo é muito importante para o mercado de vendas online.

As expectativas desse grupo são maiores quando comparadas com as dos compradores online veteranos, já que o novo grupo exige uma experiência de compra facilitada e rápida. Sem falar que a geração millennial tem forte presença nas redes sociais, onde qualquer queixa vai se tornar pública muito rapidamente.

Por outro lado, esses clientes apreciam programas de fidelização, e são mais propensos a devolver encomendas. Se preocupam muito mais com a segurança das transações e dos dados pessoais, e esse comportamento torna esse grupo muito mais importante para o mercado como um todo, e os mesmos conseguem se estabelecer como o “padrão” das compras online.

Outro detalhe interessante está no comportamento dos clientes online na finalização das contas. Muitos de nós já enchemos o carrinho virtual, mas nunca finalizamos a compra. E esse comportamento é mais comum do que você imagina.

Enquanto 90% dos compradores interrompem ou interromperam a sua encomenda, 41% voltam para concluir a compra. Em 2018, as devoluções de compras online simplesmente duplicaram (de 5% para 10%).

Cada vez mais as compras online acontecem no estrangeiro. 58% dos compradores já adquiriram algo vindo de um site fora do seu país de origem, um aumento de 6% em comparação aos números de 2016.

O já chamado M-commerce continua em expansão. 46% dos e-shoppers já utilizam o seu smartphone para realizar compras online, o que representa um aumento de 11% em relação aos números de 2016. 72% dos e-shoppers consideram extremamente importante saber qual empresa vai entregar a sua encomenda (e por isso várias lojas tem mais de uma opção de entrega, para facilitar a vida do cliente).

São números interessantes, que mostram uma clara mudança de comportamento do usuário em função da adoção das novas tecnologias.

 

Via DPDGroup


Compartilhe