Compartilhe

Por mais avançado que um produto de tecnologia possa vir a ser, ele eventualmente pode ter problemas e falhar. E, obviamente, isso acontece com uma certa frequência com os smartphones. Um telefone pode simplesmente parar de funcionar e pronto (e, nesse caso, você começa a chorar), mas em alguns casos mais extremos e problemáticos, as baterias explodem.

Tal incidente pode ser extremamente perigoso e causar danos colaterais indesejados e, infelizmente, permanentes. Logo, tão importante quanto evitar que o pior aconteça é entender por que a bateria do seu smartphone explode.

 

 

Prevenir é sempre melhor do que remediar

Eu nunca tive o desprazer de ter um celular ou smartphone que chegou na situação extrema de explodir, mas muitos usuários não tiveram a mesma sorte, sendo que alguns deles foram vítimas de ferimentos de diferentes gravidades por causa dessa anormalidade em um dos componentes mais sensíveis do telefone móvel.

Antes de mais nada, é importante mencionar que isso acontece com os materiais atuais presentes nas baterias, que são de lítio. Mas os fabricantes de smartphones e de baterias estão trabalhando em novos componentes e soluções que podem ser adotados em basicamente todos os equipamentos que estarão disponíveis no mercado no futuro, e eu quero falar um pouco mais sobre isso nesse post.

Uma bateria não explode do nada. Aliás, nada nessa vida acontece do nada ou por acaso, e uma bateria não fica problemática por conta do aleatório. Existem várias causas que podem resultar em uma bateria morta e explodida.

A primeira e mais conhecida razão para uma bateria de smartphone problemática é o fato de carregar o seu equipamento com um carregador que não é o original. Muitas vezes isso acontece por causa da baixa qualidade dos carregadores fakes ou de imitação, e até mesmo pela diferença de voltagem entre os carregadores, e isso pode fazer com que a sua bateria comece a ter problemas. Em muitos casos, você nem percebe que esses problemas existem, pois para você basta o carregador fazer o seu trabalho de carregar a bateria do telefone e pronto.

Outra possível causa para uma bateria de telefone explodir é uma eventual queda do equipamento, o que pode causar um dano na bateria do mesmo. Uma forma para detectar que isso aconteceu é o simples ato da bateria começar a inflar, fazendo com que o revestimento ou tampa do seu telefone ou notebook se levante um pouco.

Outra causa para problemas é quando deixamos o nosso equipamento exposto a altas temperaturas. Para evitar que isso aconteça, vale a pena retirar o case do smartphone na hora de recarregá-lo, e procurar não utilizar o dispositivo sob a luz do sol, o que pode fazer com que a temperatura interna do equipamento se eleve de forma considerável.

Por fim, se o seu smartphone molhou (e o dispositivo não possui qualquer certificação de proteção) a bateria também pode ficar danificada, apesar de tal incidente não acontecer com frequência (quero dizer, nem sempre uma bateria de telefone pode sofrer danos com chuva), uma vez que qualquer bateria que chega ao mercado conta com a sua proteção contra a água.

Espero que essas breves dicas ajude a evitar o pior. Boa sorte!


Compartilhe