TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Podemos trocar a Xiaomi Mi Band de um smartphone Android para um iPhone? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Podemos trocar a Xiaomi Mi Band de um smartphone Android para um iPhone?

Podemos trocar a Xiaomi Mi Band de um smartphone Android para um iPhone?

Compartilhe

Você não sabia disso, mas soube depois que comentamos aqui no blog: diferente do que muitos afirmaram ao longo dos anos, é sim possível sincronizar a Xiaomi Mi Band com o iPhone, apesar da Apple ser muito rigorosa com as restrições aplicadas aos dispositivos que fazem parte de um ecossistema diferente daquele estabelecido ao iOS.

E alguns usuários hoje contam com um iPhone e um smartphone Android, pelos mais diferentes motivos. Seja porque você é um geek ou possui interesses profissionais com as duas plataformas, é um direito seu usar as plataformas da Apple e do Google.

Agora, tem uma dúvida que paira sobre a cabeça desse grupo de geeks mais versáteis: a Xiaomi Mi Band pode ter o seu funcionamento alternado entre o Android e o iOS?

Vamos responder a esta pergunta neste post.

 

 

 

Podemos trocar a Mi Band entre o Android e um iPhone?

Tem muitos usuários de tecnologia e proprietários de produtos com as duas plataformas que se perguntam sobre este tema. A pergunta também é válida para quem se prepara para trocar de sistema operacional e desejam passar os dados da pulseira para a outra plataforma.

Aqui, temos boas notícias.

A Xiaomi salva todos os dados da sua conta em um sistema de armazenamento na nuvem, de modo que você só vai se preocupar mesmo na troca do dispositivo em si. Para ter esses dados devidamente sincronizados entre as plataformas, basta você instalar e acessar o aplicativo da Mi Fit e utilizar a mesma conta de e-mail adotada na Conta Xiaomi registrada na internet.

Antes de optar pela mudança de dispositivo e plataforma, certifique-se que todos os dados da pulseira estão devidamente sincronizados com o seu antigo smartphone. Faça o seguinte:

Entre no app Mi Fit e atualize os dados da pulseira.

Tão logo os dados estejam completamente carregados, entre nas opções da pulseira dentro do aplicativo e toque em desvincular.

Instale o Mi Fit no novo smartphone e realize o procedimento de sincronização da pulseira com o smartphone, tal e como já explicamos neste post.

Entre com suas credenciais de conta, utilizando o endereços de e-mail registrado na conta Mi.

Tão logo os dados sejam sincronizados, tudo o que estava presente no seu dispositivo Android estará disponível no iOS e vice-versa. Porém, habilite novamente as notificações de aplicativos, pois esse não é algo que é migrado no processo.

Além disso, realize todas as personalizações estéticas, pois imagens e conteúdos que foram obtidos a partir de fontes externas não estarão disponíveis no iOS, de modo que você vai precisar instalar tudo de novo, caso queira utilizar essas personalizações. Você poderá repetir o procedimento de customização quantas vezes achar necessário.

Por outro lado, o processo de troca de smartphone que vai gerenciar os dados da Xiaomi Mi Band pode ser considerado um tanto quanto tedioso para alguns usuários. Logo, o mais recomendado é que você saiba o que está fazendo e, principalmente, tome uma decisão de longo prazo. E sempre tenha em mente que aquilo que é melhor para você não necessariamente é melhor para o outro.


Compartilhe