Compartilhe

Foruns de produtos da Apple e listas de discussão como o MacRumors e o Reddit receberam relatos de vários usuários que afirmam que os seus novos iPad Pro (2018) apresentavam uma leve curvatura em sua estrutura, temendo assim um novo ‘bendgate’.

O temor ficou maior com o vídeo do JerryRigEverything, que durante o tradicional teste de tortura mostrou como o tablet se partiu ao meio sem muito esforço aparente.

Diante disso, a Apple se pronunciou sobre o assunto. E, para a surpresa de muitos, admitiu que SIM, algumas unidades do iPad Pro (2018) estão saindo da fábrica com essa “ligeira dobra”. Mas… relaxe, amigo proprietário do produto: para a gigante de Cupertino, isso é “normal”.

 

 

Um novo bendgate?

 

 

A Apple confirmou que algumas unidades do iPad Pro (2018) nas duas versões (de 11 e 12,9 polegadas) foram enviadas para os clientes com “uma leve curvatura no chassi de alumínio (…) que é um efeito secundário do processo de fabricação”, e que eles esperam que isso não piore com o passar do tempo, nem que afete negativamente no desempenho do iPad.

Cara, no meu mundo isso se traduz com um “é defeito de fabricação sim, a gente não esperava que o produto fosse se comportar dessa forma, e estamos torcendo para não piorar; caso contrário, f*d**”.

A Apple afirma que a dobra acontece pelo processo de esfriamento do metal e do plástico durante a sua fabricação e, por causa disso, essa curvatura não é considerada um defeito de fabricação. Reforça que as unidades do iPad Pro que apresentaram essa curvatura possuem a mesma desde o momento que saem da caixa, e que esta não é uma falha que aparece com o passar do tempo.

Insisto que eu tenho vontade de parar de ler as explicações da Apple quando a própria empresa menciona essa característica como FALHA, ou seja, algo que não deveria acontecer. Ou seja, se o tablet quebrar justamente por causa dessa curvatura, a empresa não vai se responsabilizar.

Sobre o vídeo do do JerryRigEverything, a Apple informa que as preocupações com a “rigidez estrutural” do iPad Pro (2018) são “infundadas” (#WTF), já que hoje não são verificadas uma atividade anormal nas taxas de devolução do produto, que estão dentro de um alcance do que a empresa considera como “normal”.

Há casos onde os clientes recorrem ao suporte e se deparam com diagnósticos de “danos acidentais”, onde é aplicada a garantia do Apple Care+ mais deduzível. Mas diante de tudo o que a Apple explicou como oficial, é de se imaginar que tal garantia não se aplica para o caso da curvatura.

Os usuários do iPad Pro (2018) que se depararam com a curva no tablet podem pedir a devolução do dinheiro, de acordo com as leis de cada país onde os produtos da Apple são comercializados. O que não se sabe é se a Apple vai aceitar devoluções ou trocas para aqueles que já perderam a janela de devolução ou que não possuem tal opção em seus países.

Vamos ficar de olho nesse assunto, mas tudo indica que a Apple está dando de ombros para mais um problema em seus produtos, sendo indiferente aos próprios erros.

Afinal de contas, a empresa gasta uma grana violenta em pesquisa e desenvolvimento para ter um iPad caríssimo que dobra… e achar isso normal?

#WTF, Apple?

 

 

 

Via The Verge


Compartilhe