Compartilhe

A OnePlus apresentou oficialmente o OnePlus 6T McLaren Edition, edição especial desenvolvida em parceria com uma das mais tradicionais equipes de Fórmula 1. O modelo se apresenta como uma discreta atualização estética, mas com algumas melhorias na potência em detalhes pontuais.

 

 

No melhor estilo de um Fórmula 1

É uma ação de marketing em forma de smartphone. O logo da McLaren aparece na parte traseira dessa edição especial, com um acabamento que imita a fibra de vidro (material utilizado no McLaren MCL33 2018, modelo utilizado durante o Mundial de Fórmula 1 nesse ano).

A sobriedade do OnePlus 6T é invadida com um halo laranja nas bordas, e o seu software também é personalizado com vários toques de McLaren nele (muito mais estéticos do que funcionais). Nas questões técnicas, ele mantém a genética do OnePlus 6T com um notch reduzido, que pode ser ocultado pelas características existentes no OxygenOS.

 

 

10 GB de RAM, para deixar todos os demais para trás

Temos quatro novidades no OnePlus 6T McLaren Edition.

O modelo conta com 10 GB de RAM, o máximo que podemos encontrar em um smartphone hoje, trabalhando com 256 GB de armazenamento. Usa bateria não muda em capacidade, mas muda na forma de recarga, com a sua nova tecnologia Warp Charge 30, que oferece um dia de autonomia de uso com apenas 20 minutos de recarga.

O OnePlus 6T McLaren Edition tem preço sugerido de 699 euros na Europa. Um preço realmente surpreendente para uma edição especial, mas que na prática é surpresa zero se considerarmos o histórico da OnePlus em relação aos preços dos seus dispositivos.

O produto chega aos mercados da Europa e América do Norte em 13 de dezembro. Nem é preciso dizer que não existe qualquer tipo de previsão de lançamento desse produto para o mercado brasileiro, mesmo porque a OnePlus não possui distribuição oficial de seus dispositivos no Brasil.

 


Compartilhe