Press "Enter" to skip to content
Você está em | Home | Internet | O que é o L4S, e como ele pode revolucionar a internet de todo o planeta

O que é o L4S, e como ele pode revolucionar a internet de todo o planeta

Compartilhe

A vital importância da conexão e velocidade de Internet na era tecnológica atual é algo que hoje afeta a todos os usuários, e existe uma constante inovação nesse cenário.

É comum testemunhar uma frustração generalizada relacionada à lentidão em carregamento de sites, interrupções em chamadas de vídeo, e muitos usuários ficam se questionando sobre a validade do pagamento de um plano de alta velocidade.

E há quem diga que a solução para este problema finalmente chegou, através da iniciativa L4S. E neste artigo, eu vou explicar melhor o que essa sigla pode fazer por você.

 

A latência, a grande vilã da sua internet

A latência é o fator determinante na lentidão da Internet, pois é ela quem determina um maior tempo de envio e recebimento de dados entre dispositivos e servidores.

Os métodos tradicionais de regulação de velocidade na Internet são ineficientes, já que muitos aplicativos ainda empregam abordagens pouco evoluídas e adotadas desde os primórdios da Internet.

Neste sentido, a iniciativa L4S, respaldada por gigantes como Apple, Google e Comcast, visa reduzir a latência e proporcionar uma experiência mais rápida na Internet a partir de métodos de medição avançados e mais alinhados com uma tecnologia que está atualizada.

 

Funcionamento do L4S

Vamos então explicar o que é esse tal de L4S.

O significado de L4S pode ser entendido como “baixa latência, baixa perda, rendimento escalável”. Ele reduz o tempo de espera desnecessário para os pacotes de dados, utilizando indicadores de congestão.

Um dos desafios que o L4S precisa contornar é a “inflação do buffer”, que é uma espécie de armazenamento temporário de dados que afetam a latência das conexões. É como se pacotes de entregas da Amazon ficassem acumulados nos armazéns porque poucos carros estão disponíveis para distribuir as encomendas.

O especialista Greg White falou sobre a necessidade do L4S na redução significativa da latência, indo de milissegundos de um único dígito. Essa tecnologia pode simplesmente revolucionar a experiência do usuário com o grande volume de dados na internet.

Empresas renomadas como Comcast, Apple e Google estão envolvidas no desenvolvimento do L4S, com alguns modems já o suportando a nova tecnologia. Os testes iniciais entregam resultados bem interessantes, e os sistemas operacionais atuais já estão integrando esse recurso em seus códigos internos.

 

Conclusão: o que esperar do L4S?

Se tudo der certo do jeito que todos os envolvidos estão relatando, o L4S pode ter um impacto revolucionário na experiência do usuário na web

Embora ainda não seja amplamente utilizado, seu potencial poderá abrir portas para aplicativos, soluções e jogos que hoje são impossíveis de serem executados com a latência atual.

Os gamers vão agradecer, do fundo do coração. E considerando o fato de que GTA VI já tem data estimada de lançamento (2025) e é um jogo que tem um volume enorme de dados, o L4S deve se tornar minimamente popular até a chegada do tão esperado título da Rockstar.

É claro que ainda não testei o L4S, e estou segurando o monstro da expectativa dentro do armário. Mas qualquer solução que promete acabar com esse mal da latência que assola a internet de todo o planeta deve ser aguardado com uma certa dose de ansiedade.


Compartilhe