Microsoft mantém as Live Tiles, mas promete melhorias | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Microsoft mantém as Live Tiles, mas promete melhorias | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | Microsoft mantém as Live Tiles, mas promete melhorias

Microsoft mantém as Live Tiles, mas promete melhorias

Compartilhe

São quase oito anos de discussões sobre o formato do menu Iniciar no Windows e a presença pouco bem vinda das Live Tiles. E os rumores para a sua remoção nunca foram tão fortes. O menu do Windows 7 era perfeito, e muitos não conseguem entender até hoje por que a Microsoft se empenhou tanto em destruir essa perfeição, e de forma tão grosseira.

Primeiro, o menu Iniciar foi simplesmente removido de forma direta no Windows 8, entregando assim uma interface tátil que era incompreendida no seu tempo, mas horrível para a maioria dos usuários. Depois e muitas reclamações e críticas pesadas, a Microsoft decide voltar atrás, melhorando o conceito desse menu no Windows 8.1 e devolvendo o menu Iniciar no seu estilo tradicional do Windows 10.

Mesmo assim, o menu atual ainda não é do agrado de todos os usuários, que seguem pendido para que a Microsoft volte a oferecer algo ainda mais próximo ao que entregava no Windows 7. E pense você que este é um dos motivos pelos quais muitas pessoas ainda usam a versão antiga do sistema operacional. Logo, não é uma bobagem efêmera.

 

 

 

As Live Tiles serão mantidas, mas também serão melhoradas

 

 

Os mosaicos ao vivo foram um forte sinal de identidade dos smartphones com Windows Mobile. E neles, o conceito funcionava muito bem, independente do tamanho da tela do dispositivo móvel em questão. Porém, no desktop não eram tão úteis assim.

A Microsoft insistiu no componente, e a maioria dos veículos especializados apostavam pela sua eliminação depois que vazou uma compilação do Windows Insider onde tal recurso não mais aparecia, ou com a chegada do Windows 10X, que também não tem tal funcionalidade.

Agora, na última transmissão web do Windows Insider, o pessoal da Microsoft afirma que eles vão manter as Live Tiles (para desespero de algumas pessoas), mas que as mesmas serão melhoradas, se integrando melhor ao estilo do menu Iniciar clássico. O novo menu não é muito diferente da versão atual do Windows 10 no seu design e formato geral, mas o seu funcionamento e integração geral são diferentes.

Temos agora um menu mais limpo, com cores mais uniformes, onde os novos ícones se mesclam perfeitamente com os efeitos da linguagem de design Fluent Design, tanto no modo escuro como no modo claro, unificando visualmente o menu Iniciar.

Visualmente, todo o conjunto pode ser visto melhor. Mas não sabemos se os usuários vão se conformar com uma mudança que, na prática, é meramente cosmética. Eliminar o componente interativo ou dinâmico, transformando o mesmo em simples ícones de acesso direto para os aplicativos ou ferramentas de sistema mais importantes pode fazer a diferença nesse caso.

No final das contas, tudo pode ser uma questão de gosto. E a Microsoft deveria dar a liberdade para os usuários escolherem o que desejam, inclusive com o controle total sobre as Live Tiles, permitindo a remoção e ativação com um simples botão, ou liberando a opção pra torná-los estáticas ou interativas.

A Microsoft trabalha com vários designs, e vamos ter que esperar a decisão final que a empresa vai tomar nas próximas atualizações do Windows 10. Quem sabe oito anos de polêmica sobre o que fazer com o menu Iniciar finalmente estão chegando ao fim.

 

 

Via The Verge


Compartilhe