Tem um ditado antigo que a minha avó dizia de tempos em tempos, mas que funciona muito bem em momentos como esse. E o ditado é: “pau que dá em Chico dá em Francisco”. Pois é. A mesma paulada que acertou a Apple parece ter acertado a sua principal rival, a Samsung.

Tudo indica que os coreanos vão começar 2019 com as costas na parede, tal e como acontece com a coleguinha de Cupertino. E não se trata de um rumor, mas sim de uma advertência anunciada pela própria Samsung para os seus investidores: a empresa vai ter lucros abaixo do esperado, e tudo por causa do inesperado desempenho financeiro no último trimestre de 2018.

Durante o terceiro trimestre de 2018, a Samsung apresentou um recorde histórico de lucros. Algo parecido com o que aconteceu com a Apple no mesmo período, mas nesse caso na venda de smartphones. Voltando aos coreanos, em função dos recordes, a empresa foi incapaz de manter o ritmo de vendas durante o período natalino. Com isso, os porta-vozes da empresa já avisam aos seus acionistas que existe uma projeção de queda nas suas receitas.

No momento da produção desse texto, a projeção dos resultados financeiros do quarto trimestre de 2018 para a Samsung seriam de “apenas” US$ 52 bilhões, ou 11% a menos do valor arrecadado no trimestre anterior.

E a situação piora.

O mais complicado de tudo isso é que os lucros líquidos estimados para o período seriam de apenas US$ 9.6 bilhões, uma queda de 29% em relação ao período anterior.

São números alarmantes para qualquer investidor, e isso resultou na advertência liberada pela Samsung de forma antecipada.

Se serve de consolo para a Samsung, a LG aproveitou a oportunidade para fazer o mesmo que Apple e Samsung, anunciando aos investidores que as receitas foram revistas para baixo, com uma queda nos lucros líquidos de assustadores 80%.

Moral da história: foi ruim para a Apple, foi péssimo para a Samsung, foi pavoroso para a LG. E 2019 será um ano bem complicado para a indústria de smartphones.

É oficial: a bolha estourou!

 

Via CNBC, The Verge