Compartilhe

O iCloud é a alternativa da Apple de armazenamento na nuvem para os usuários dos seus dispositivos iOS e macOS. A má notícia é que o serviço só oferece 5 GB de armazenamento (contra 15 GB do Google Drive), que são insuficientes para muitos usuários.

Saber utilizar esse espaço com sabedoria é uma lei. Nele, você deve salvar dados de agenda, calendário, ajustes do dispositivo e dados muito pessoais. Recomendo inclusive que você use uma conta do Google Fotos para armazenar fotos e vídeos, e deixe o iCloud de fora dessa missão.

Você ainda pode contratar espaço adicional no iCloud, mas ainda assim você pode ter a sua capacidade de armazenamento esgotada por vários outros motivos. Por isso, nesse post, vamos indicar por que isso está acontecendo, e como você pode liberar espaço na nuvem da Apple.

 

 

O que o iCloud armazena?

 

 

Além dos dados e configurações do iDevice (motivo pelo qual ele nasceu), o iCloud pode armazenar outros itens que a Apple foi incorporando depois do seu nascimento, o que fez com que os 5 GB (que existem desde o nascimento do serviço) sejam simplesmente ridículos para os tempos atuais.

Hoje, o iCloud pode armazenar os seguintes dados:

– Fotos (se você deixa essa opção ativa)
– E-mails da conta do iCloud
– Contatos
– Calendário
– Lembretes
– Notas
– Mensagens
– Marcadores e histórico do Safari
– Bolsa
– Home
– Game Center
– Siri
– Saúde
– Chaveiro
– Find my iPhone/iPad

O iCloud não apenas faz uma cópia de todos os seus dados na nuvem, mas também sincroniza todos os dados de todos os dispositivos associados à mesma ID da Apple. Ou seja, um novo contato no iPhone vai para o iPad e Mac rapidamente, assim como uma edição de contato ou qualquer alteração semelhante em outros aplicativos da Apple.

Em resumo: o iCloud faz uma cópia de segurança dos dados do dispositivo e gerencia à distância o gadget em caso de perda ou roubo, via Find my iPhone/iPad.

 

 

Como você pode liberar espaço no iCloud

O serviço que mais ocupa espaço no iCloud é o armazenamento de fotos. Você pode desativá-lo diretamente do smartphone, mas existem outras formas simples de liberar espaço de armazenamento na nuvem:

 

Apagar as cópias de segurança

Elimine as cópias de segurança dos dados do seu dispositivo, pois se você tem muitas informações salvas, a sua conta do iCloud não será suficiente. Quem tem vários dispositivos associados na mesma conta e todos contam com cópia de segurança, o consumo do armazenamento será ainda maior.

Procure realizar as cópias de segurança via iTunes, evitando o uso do iCloud para a missão. Lembrando que, se ativo, o iPhone ou iPad fará esse envio de dados para a nuvem todas as noites, enquanto recarregamos o nosso dispositivo. Ou seja, temos um inconveniente aqui: você terá que realizar cópias de segurança diárias no iTunes, e a maioria não está disposta a fazer isso.

 

Elimine fotos e vídeos do iCloud

Como eu disse, fotos e vídeos são os itens que mais ocupam espaço no iCloud. Fazer uma cópia de segurança desse conteúdo em nosso computador e apagar os dados do iCloud certamente vai resultar em maior espaço livre de armazenamento na nuvem.

 

Contratar mais espaço de armazenamento

Se tudo der errado, não resta outra alternativa a não ser colocar a mão no bolso. Os planos hoje estão relativamente mais competitivos, e pagar para ter mais armazenamento na nuvem pode ser algo bem vindo para profissionais ou estudantes que precisam ter os seus dados a salvo.


Compartilhe