Como levar o seu alto-falante inteligente para qualquer lugar

Compartilhe

Os alto-falantes inteligentes estão ficando cada vez mais populares, e quem tem um dispositivo desse tipo sabe do que eu estou falando. São ótimos gadgets para deixar a vida mais fácil e conectada.

Porém, a maioria dos alto-falantes inteligentes precisam de uma rede elétrica para funcionar, pois são pensados no uso em apenas um lugar, de preferência junto a uma tomada. Felizmente, alguns acessórios permitem o transporte do produto para qualquer lugar da casa, com pequenas bases com bateria que se acoplam na parte inferior do produto.

Nesse post, vamos mostrar esses acessórios, para que você possa investir o seu dinheiro para levar o seu alto-falante inteligente para qualquer lugar.

 

 

 

Bases para Google Home e Google Home Mini

 

É um dos mais populares do mercado, e algumas bases compatíveis com as versões mais modernas do alto-falante do Google podem ser encontrados com relativa facilidade.

 

 

A base da Wasserstein conta com uma bateria de 7.000 mAh e entrega 8 horas de autonomia de uso (com tempo de recarga de 4 horas, através de porta microUSB).

 

 

Para quem quer algo um pouco mais econômico, o da Philex é a opção. Essa base envolve a parte inferior do alto-falante para uma melhor integração. Sua bateria de 10.000 mAh entrega até 12 horas de uso, e luzes LED mostram a autonomia restante na bateria.

 

 

A oferta de bases carregadoras para o Google Home é bem menor, muito por causa do seu tamanho maior. Uma das poucas opções é a base da Ninety7, que tem bateria que oferece autonomia de até 8 horas. Só é vendido nos Estados Unidos, mas pode ser importado por serviços de terceiros.

 

 

 

Bases para o Amazon Echo Dot e Echo Plus

 

O Echo Dot é o alto-falante inteligente mais popular da Amazon, e tem oferta de bases carregadoras mais ampla do que o seu equivalente do Google.

 

 

Por exemplo, a base da GGMM conta com 5.200 mAh e oferece até 8 horas de reprodução de áudio. É compatível com o Echo Dot de terceira geração, e conta com uma alça para transporte.

 

 

Esta outra base da GGMM está em forma de cilindro e tem a mesma capacidade de bateria do modelo anterior. A diferença aqui está no design, que facilita a transmissão de som com o módulo cilíndrico que recebe um alto-falante integrado que se conecta via porta de 3.5 mm, amplificando o som do alto-falante de forma omnidirecional, ou seja, em 360 graus.

 

 

No caso do Amazon Echo Plus, a oferta de bases carregadoras é algo menor por causa das suas dimensões. O modelo da Mission é compatível com o Echo Plus de segunda geração, e conta com cinco horas de autonomia de bateria e é compatível também com o Echo Plus de terceira geração. Porém, só é vendido nos Estados Unidos.

 

 

 

Conclusão

 

Sim, amigo leitor. Existem alternativas para deixar o seu alto-falante inteligente portátil, o que é algo excelente para quem quer levar o pequeno produto para qualquer lugar. Tenho certeza que qualquer dono de um produto como esse vai pelo menos cogitar a compra de um acessório como esse para expandir as possibilidades de uso do produto.

Porém, são acessórios que não são vendidos por aqui com facilidade, e fatalmente você vai ter que apelar para a importação para obter esse acessório. E com o dólar superando os R$ 5,50 (cotação do dia 28 de agosto de 2020, no momento em que esse post foi produzido), não está fácil para ninguém que quer deixar o seu alto-falante inteligente ainda mais inteligente e portátil.


Compartilhe