Como a Apple se tornou uma gigante do mundo dos games sem ter um console? | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Como a Apple se tornou uma gigante do mundo dos games sem ter um console? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Games | Como a Apple se tornou uma gigante do mundo dos games sem ter um console?

Como a Apple se tornou uma gigante do mundo dos games sem ter um console?

Compartilhe

Falar da Apple como uma gigante do mundo dos videogames poderia soar um pouco estranho, mas não é. Quando olhamos para as receitas da empresa nesse segmento, tudo faz sentido. E os números falam por si.

Um estudo realizado pelos analistas da Newzoo mostra que a Apple obteve no primeiro trimestre de 2018 receitas de US$ 2.09 bilhões através dos games publicados na App Store. O valor arrecadado ao longo do ano passado fica na casa de US$ 9.45 bilhões.

Os números posicionam a Apple na quarta posição no Top 5 de empresas que registraram as maiores receitas em 2018 no setor dos videogames, ficando atrás apenas de Tencent, Sony e Microsoft. Chama a atenção ver que, mesmo com a gigante de Cupertino não contar com nenhum console, muito menos não ter desenvolvido nenhum jogo sequer, as suas receitas sejam tão grandes.

 

 

Como isso aconteceu?

 

 

A explicação para isso é bem simples e, de fato, vimos parte dessa explicação nos próprios jogos publicados na App Store. Tais jogos deixam uma comissão para a Apple, mas devemos colocar isso em consonância com a importância do crescimento do iPhone, do iPad e do iPod Touch como plataforma para os games.

Por exemplo, o iPhone 8 tem uma CPU de seis núcleos, uma GPU muito potente e é capaz de executar jogos complexos e de alta qualidade. O mesmo se aplica ao iPad, e com o iPod Touch 2019, a Apple confirma a sua aposta em lançar dispositivos focados no entretenimento, multimídia e jogos.

Nesse momento, a Apple está completando uma importante transição de empresa focada nos dispositivos para entregar um valor maior no setor de serviços, justamente para melhorar as suas receitas e reduzir a sua dependência das vendas do iPhone. Um movimento que foi orientado de forma parcial para os videogames, e tem no Apple Arcade o seu grande expoente.

Por enquanto, o plano está funcionando. O futuro vai mostrar se a mudança se solidifica como algo sustentável para uma gigante como a Apple.

 

Via Apple Insider


Compartilhe