Fortnite chegou para o Android, e deixou a comunidade completamente maluca. A lista de dispositivos que podem rodar o jogo é pequena e, ainda assim, os felizardos se deparam com o problema de elevado consumo de bateria por parte do jogo.

Para obter uma experiência menos frustrante com o game, temos nesse post cinco truques básicos e bem óbvios para poupar um pouco de bateria ao jogar Fortnite. Truques que qualquer pessoa pode adotar.

1. Reduza o brilho de tela e use fones de ouvido

O brilho da tela ativa é um dos elementos que mais drena a bateria do seu smartphone. Logo, antes de iniciar o jogo, desative o brilho automático da tela, e reduza manualmente até o mínimo indispensável para ver o jogo claramente.

Também vale a pena usar fones de ouvido, que drenam menos bateria que os alto-falantes ativos o tempo todo.

Só com essas duas medidas, você vai sentir uma leve melhora no desempenho da bateria.

2. Modo avião e mais conexão WiFi

Para iniciar o jogo Fortnite, é recomendável ativar o modo avião, que corta a conexão com a rede móvel, e ligar o WiFi para acessar a internet.

 

 

3. Desative as atualizações automáticas do Google Play e do Facebook

Pode ajudar a qualquer pessoa, independente se ela joga Fortnite ou não. As atualizações em segundo plano podem ser muito lentas para todos. E, além do consumo de dados em excesso, os processos também matam de forma progressiva a sua bateria. Ao desativar as atualizações do Google Play e do Facebook, já se nota um melhor desempenho do dispositivo.

4. Ative o Modo Jogo (se o seu smartphone ainda não tem)

Alguns modelos top de linha da Samsung, Huawei e Xiaomi (além de outros fabricantes asiáticos) contam com tal agregado nos sistemas operacionais. Ative o modo jogo, e verá como o consumo de recursos se otimiza e o jogo roda mais fluído (e sem comprometer a bateria nesse processo).

 

 

5. Feche os aplicativos e processos em segundo plano

Algumas interfaces do Android precisam de muito mais do que já tem para manter o usuário atrelado. Além disso, o desempenho do game é afetado pelos apps ativos do dispositivo, e para manter tais recursos funcionando, não são considerados o fluxo corrido do próprio jogo. Ah, sim… você ainda terá a opção de jogar com o smartphone conectado ao carregador, mas é bom sempre lembrar que tal medida não é a mais recomendada. Por conta do histórico de incidentes que já noticiamos aqui no blog.