Compartilhe

Uma decisão complicada, que se transformou em uma das perguntas mais frequentes da atualidade. O mundo gaming experimentou uma evolução importante nos últimos anos, e os seus efeitos são notados em todos os níveis.

A linha que separava console e PC desapareceu, e hoje temos sistemas consolidados. Tanto Xbox One como PS4 utilizam um hardware de PC, enquanto que a geração anterior (Xbox 360 e PS3) chegou ao mundo com componentes personalizados.

As gerações anteriores de videogames mantinham as diferenças de hardware muito claras, mas o tempo passou e hoje os sistemas não se diferenciam em nada dos PCs que, pela evolução tecnológica, entrega vantagens e desvantagens na hora de jogar.

Nesse post, temos cinco motivos para optar jogar em um PC, e outros cinco motivos para optar jogar em um console. Não queremos mostrar um favoritismo injustificado por uma ou outra solução. Apenas queremos mostrar uma nova visão sobre as vantagens e desvantagens.

No final, a escolha continua a ser sua.

 

 

Cinco motivos para jogar no PC

 

 

1) O preço dos jogos e gifts de algumas plataformas: jogar no PC é muito mais barato se levamos em conta os preços dos jogos no Xbox One e PS4. Plataformas como Steam, Good Old Games, Humble Store e Epic Games Store (somado com ofertas periódicas) tornaram isso possível. A diferença de preços pode variar entre 20% e 80%, e esse é um chamariz para a maioria dos usuários.

2) Aproveite os jogos em seu máximo esplendor: sempre que o hardware do seu PC permitir, você pode rodar os jogos na qualidade máxima de gráficos, o que resulta em uma experiência simplesmente impecável. Como é você quem configura o seu equipamento, está nas suas mãos obter a máxima performance nos jogos. Bom, quero dizer… mais do seu bolso do que de você, mas o conceito é o mesmo.

3) Tecnologias avançadas que agregam valor: o PC é a porta de entrada para novas tecnologias que acabam se impondo no universo gaming de uma forma ou de outra. Ou seja, você entra na vanguarda do setor, com acesso a tecnologias que provavelmente nunca vão chegar aos consoles.

4) Você não precisa pagar para jogar online: no PC, você paga o PC, a sua conta de internet, compra o jogo e pronto. Pode jogar online e sim limites. No console, não é assim: Xbox Live Gold e PS Plus não me deixam mentir. E boa parte das receitas de Microsoft e Sony estão na cobrança do jogo online, e isso dificilmente vai mudar a médio ou longo prazo.

5) Retrocompatibilidade total e mais opções de controle: no PC, a retrocompatibilidade está em um outro nível. Graças aos modos de compatibilidade com versões anteriores do Windows 10, você pode jogar games muito antigos. Sem falar em toda uma comunidade que segue melhorando os títulos clássicos. Sobre as opções de controle, o PC entrega uma liberdade de configuração que não é encontrada no console. E é você quem decide como quer jogar no computador.

 

 

Cinco motivos para jogar nos consoles

 

 

1) Tudo é muito mais simples: nem todo mundo tem a mesma experiência ao utilizar um PC, e os consoles oferecem uma experiência de uso simples, segura e efetiva, onde (quase sempre) tudo funciona como deveria. Ligue o console, insira o novo jogo que você comprou, e pronto: pode começar a jogar. Nada de se preocupar com drivers, ajustes e configurações de hardware ou até mesmo com possíveis incompatibilidades. Tudo é feito para que o usuário não tenha dores de cabeça.

2) Os jogos exclusivos são incríveis: são poucos jogos exclusivos para o PC. Já nos casos do PS4 e Xbox One, os games exclusivos são excelentes. Os investimentos são enormes, e os resultados finais são impressionantes. Este é um dos maiores argumentos para jogar no console.

3) Hardware, configurações e preço: os consoles oferecem um excelente preço em termos de hardware e desempenho em relação ao preço cobrado. Isso é possível graças aos grandes acordos entre as gigantes do setor, que oferecem componentes personalizados a um custo relativamente baixo. Sem falar que Sony e Microsoft estão dispostos a assumir pequenas perdas no lançamento dos consoles para obter rapidamente uma grande base de usuários, e potenciar os lucros pela venda de jogos e serviços. O valor dos consoles continua baixo com o passar do tempo também por causa do suporte recebido pela otimização e desenvolvimento centrado nas melhorias.

4) Fim das atualizações de componentes: comprar um console vai garantir vários anos de uso de um produto que não precisa ser renovado, compatibilidade total que todos os jogos vão funcionar com o produto (mesmo com uma qualidade gráfica mais baixa) e uma longevidade de uso maior com um menor investimento. Esta é uma das vantagens mais importantes que o console oferece em relação ao PC. Se o seu orçamento é mais curto e quer ter a certeza que vai jogar de tudo sem problemas por vários anos, o console é a sua melhor escolha.

5) Suporte e refinamento: os consoles recebem um suporte muito maior, e isso se estende aos seus jogos. Esse suporte não está isento de problemas, mas que são muito menores se comparados com o PC, e com as correções chegando aos jogos e consoles em poucos dias. Os fabricantes de hardware também trabalham no refinamento de recursos, liberando recursos de CPU e RAM aos desenvolvedores.


Compartilhe