Compartilhe

A internet virou um dos pilares mais importantes da humanidade. Quando a World Wide Web nasceu, poucos imaginaram que ela seria uma parte tão importante de nossas vidas. Seu começo foi complicado, criando a bolha do .com entre 1997 e 2001, levantando dúvidas sobre a sua base e desenvolvimento. Porém, a partir de 2002, ela se consagrou como a principal rede de comunicação do planeta.

A internet mudou a forma em como trabalhamos, fazemos negócios, nos relacionamos e nos divertimos. Sem ela, muitas empresas não existiriam, vários dos avanços sociais, econômicos e de comunicação se perderiam, e eu não estaria aqui conversando com vocês.

Sua importância é inquestionável e, por isso, vamos compartilhar com vocês cinco dados curiosos sobre a Internet, o que deve ajudar a conhecer um pouco melhor a sua evolução e alguns dos seus feitos mais importantes com o passar dos anos.

 

 

 

Eram 5 milhões de terabytes de dados… em 2010

 

 

Segundo o Google, a Internet tinha 5 milhões de terabytes em 2010. Na época, um PC de linha média contava com um HD de 200 GB. 1 terabyte são, aproximadamente, 1.000 GB. Ou seja, em 2010, a internet era formada por 5 bilhões de GB. Hoje, os números são obviamente muito maiores, mas o mais interessante disso é que, em 2010, o Google reconheceu que indexou apenas 0,004% de todo o conteúdo existente na internet..

 

 

 

Um consumo de largura de banda de zettabyte em 2016

 

 

Apenas em 2016 foi superada a barreira do zettabyte, uma unidade que equivale a mil exabytes. Tá, está confuso: um exabyte vale aproximadamente 1 bilhão de terabytes, ou 1 trilhão de gigabytes.

Fato é que cada vez mais consumimos uma maior largura de banda, e para 2022 é esperado que apenas o tráfego de dados móveis já esbarre na barreira dos zettabyte. O auge dos serviços online e o consumo de conteúdo multimídia de alta qualidade serão os principais responsáveis para o consumo de largura de banda disparar nos próximos anos.

 

 

 

São enviados 250 bilhões de e-mails todos os dias

 

 

De acordo com as últimas estimativas, são enviados mais de 250 bilhões de e-mails por dia. Números impressionantes, mas que não são gerados de forma natural pelos seres humanos. A maioria das mensagens são consideradas SPAM.

Pelo menos 81% de todos os e-mails gerados em todo o mundo são de origem automatizada, ou seja, são considerados lixo eletrônico. Ou seja, apenas 50 bilhões de e-mails enviados por dia são produzidos por seres humanos. E, ainda assim, esse é um número impressionante.

 

 

 

A primeira página web ainda está online

 

 

A primeira página web é a info.cern.ch, e ainda está online. É um site HTML básico e muito simples, com algumas linhas de texto. Foi escrita com a primeira versão do HTML e possui alguns links. Hoje, é um dinossauro que não lembra em nada a versão original da primeira página web, que já desapareceu da internet. Esta é uma versão criada em 1992.

 

 

 

50 milhões de usuários em quatro anos

 

 

Uma forma para determinar o sucesso de uma tecnologia é analisar a sua taxa de adoção. Por exemplo, a TV levou 13 anos para alcançar 50 milhões de usuários. O rádio levou 38 anos para alcançar o mesmo número. Já a internet só precisou de 4 anos para superar a barreira dos 50 milhões de usuários. Hoje, estima-se que há mais de 4 bilhões de pessoas conectadas à internet.


Compartilhe