Compartilhe

O Google Mapas nasceu em um distante 6 de fevereiro de 2005. Parece que foi ontem e, ao mesmo tempo, pelo simples fato de muitos de nós utilizarmos esse aplicativo todos os dias, a impressão que temos é que ele está em nossas vidas há muito tempo. De qualquer forma, a plataforma completa hoje 15 anos de vida, e o Google aproveitou a oportunidade para comemorar, apresentando novidades nesse aplicativo tão popular.

Não são números pequenos. Poucas coisas na era da internet duram tanto tempo assim, e o Google preparou várias surpresas e novidades para celebrar essa bem sucedida trajetória de desenvolvimento. O Google Mapas vai receber importantes mudanças de design para deixar a sua interface ainda mais refinada, além de abraçar robustas funcionalidades que deixarão o seu software ainda mais completo.

Uma publicação no blog oficial do Google Mapas mostra uma lista geral de todas as mudanças que serão implementadas no aplicativo, que foi replanejado para melhorar ainda mais a sua precisão e uso. As alterações visam uma melhor experiência de uso tanto para pedestres como para motoristas de diferentes modalidades de veículos. Em paralelo às mudanças, um vídeo foi publicado para mostrar a evolução de sua imagem oficial e, ao mesmo tempo, apresentar o novo logo do aplicativo.

Nesse post, deixamos uma revisão rápida das mudanças apresentadas no Google Mapas, e que podem ser encontradas na última atualização do aplicativo.

 

 

As mudanças do Google Mapas, que completa 15 anos de vida

 

 

O novo Google Mapas conta com um novo design e uma nova distribuição de abas na seção inferior, recebendo a partir de agora cinco itens: Explore, Commute, Saved, Contribute e Updates. Cada item foi desenvolvido para se alimentar de informações de forma completamente independente, com revisões autômatas de acordo com as suas necessidades.

Dessas abas, talvez a que apresente a função mais confusa para se compreender em um primeiro momento é a Commute. Na prática, ela complementa a aba Explore, pois se encarrega de realizar a marcação de uma rota para depois auxiliar no deslocamento do usuário para algum destino, ao mesmo tempo em que nos ajuda a conhecer a vizinhança da rota para descobrir mais locais e pontos de interesse.

 

Além disso, o Google Mapas está ficando mais Waze do que nunca com o novo recurso chamado Atributos de Trânsito. Com ele, você pode ver o nível de congestionamento antes mesmo de iniciar a rota escolhida, agregando mais informações a este cenário, como por exemplo a temperatura local. Ao que tudo indica, esse deve ser um recurso onde os próprios usuários vão alimentar com os seus dados e informações, tal e como o app de mapas concorrente faz.

Como parte da sua mudança de imagem, temos um novo ícone de navegação do Google Mapas. Esta é uma mudança meramente estética, mas acompanha as demais mudanças na interface do mapa, para que o mesmo seja mais intuitivo para os usuários. Também teremos uma melhor integração com a Live View para ver pontos de interesse em tempo real através da câmera.

 

Por fim, também será possível contribuir com mudanças na informação de locais e criar endereços de pontos comerciais e turísticos a partir do próprio smartphone (antes isso só era possível a partir da versão para desktop do Google Mapas).

São muitas novidades para um Google Mapas que se renova depois de 15 anos de atividades. Mudanças bem vindas para um dos aplicativos mais importantes e bem aceitos do Google entre os seus usuários. Que essa renovação ajude a conduzir o Maps para mais 15 anos de bons serviços prestados.

 

 

Via Blog Oficial do Google


Compartilhe