Wetten.com Brasil Apostas
Home » Áudio e Vídeo » Apple AirPods Studio… tem algum sentido?

Apple AirPods Studio… tem algum sentido?

Compartilhe

Os rumores sobre o Apple AirPods Studio ganharam força nos últimos dias, e há quem diga que sua produção já começou. Logo, sua chegada ao mercado é algo iminente. Mas… o que sabemos sobre ele?

Estamos falando de fones de ouvido sem fio com diadema, se distanciando do design dos AirPods que conhecemos hoje, com sistema de redução de ruído e voltado para um público completamente diferente O futuro fone é pensado no segmento profissional, ou para os usuários que buscam produtos premium e especialmente atraídos em tudo o que está relacionado à Apple.

Sua apresentação pode acontecer na WWDC 2020, que acontece em menos de 30 dias, ou em dias próximos para não saturar o evento para desenvolvedores com muitos lançamentos. Seu preço seria de aproximadamente US$ 349, com opções de acabamento de couro e telas mais transpiráveis para a prática esportiva. Tanto as almofadas para as orelhas como a tira do diadema contaria com um sistema de fácil substituição.

Se os rumores se confirmarem, os Apple AirPods Studio contarão com vários sensores que, entre outras coisas, analisariam a cabeça e o pescoço do usuário para tentar determinar a sua orientação. Ou seja, não é preciso ver qual é o lado esquerdo ou direito do fone: os próprios fones vão identificar para qual lado o sinal de som deve ser enviado.

 

 

 

Os Apple AirPods Studio tem algum sentido?

 

A imagem que ilustra esse post é de um fone Beats by Dr Dre. A Beats foi adquirida pela Apple há seis anos. E esses fones (em teoria) vão rivalizar no mercado com os futuros Apple AirPods Studio.

Sobre a qualidade dos fones Beats, opiniões não faltam. E é fato que a Apple nunca quis incorporar esses fones de forma oficial ao seu catálogo, mesmo com muita gente sabendo que a marca é de propriedade da empresa. Mas ainda tem outro bom grupo de pessoas que não conhecem o vínculo entre as duas empresas.

E é nesse contexto que os AirPods Studio fazem sentido. Muitos podem pensar que o novo fone são concorrência direta para os Beats, mas analisando essa marca e a Apple, podemos ver que mesmo com pontos coincidentes, eles apontam para diferentes segmentos de mercado.

A imagem mais jovial e descolada da Beats não se encaixa com um público mais adulto, que busca um design mais sóbrio e menos chamativo, além de materiais mais nobres. Um produto não é necessariamente melhor que o outro, mas sim que entregam propostas finais conceitualmente bem diferentes.

Logo, os AirPods Studio podem chegar a um tipo de cliente diferente, que pode até se interessar pelo Beats por causa da qualidade de som e suas configurações, mas deixa o produto de lado por ser chamativo demais. E muita gente que gasta uma nota em fones de ouvido considera a qualidade do som apenas um dos vários aspectos a se considerar na hora da compra do produto.

Por outro lado, os AirPods Studio não devem ser os Beats ‘elegantes’. A produção dos mesmos vem do mesmo provedor dos AirPods. Ou seja, a Apple deve comercializar o novo fone dentro da família AirPod, para tentar chegar aos usuários mais exigentes.


Compartilhe