Todo mundo sabe que os smartphones Android se desvalorizam muito mais do que os iPhones, e isso acontece porque só a Apple fabrica o iPhone basicamente, enquanto que modelos Android chegam ao mercado (quase) todos os dias. Mas o nível de desvalorização do Samsung Galaxy S9 chega a ser algo ridículo.

O Galaxy S9 perdeu 60% do seu valor de mercado em apenas nove meses. Se por um lado é uma vantagem para quem decidiu esperar para comprar o modelo lançado no ano passado, por outro lado quem comprou esse smartphone quando ele foi lançado está no mínimo irritado ao perceber que o dispositivo hoje custa bem menos.

Mas tal desvalorização acontece em todos os setores de consumo. Algo normal. Porém, essa baixa retenção do Galaxy S9 não é apenas percebida na desvalorização ao longo prazo, mas também a curto prazo: o modelo perdeu em média 42% do seu valor original apenas no seu primeiro mês de vida.

Em um relatório publicado pela empresa Bankmycell, é possível ver que todos os smartphones perdem valor de mercado com o tempo. Porém, os modelos da linha Galaxy S ficam mais baratos muito mais rapidamente que os demais.

 

 

Apesar de ser uma série espetacular, a linha Galaxy S9 não se deu bem no mercado, com vendas muito abaixo do esperado. Por isso houve essa desvalorização acachapante de 60% em nove meses. E não estamos desvalorizando o produto com os números. Ele ainda é um top de linha muito bem aproveitável, mesmo com a chegada do Galaxy S10.

Porém, a Samsung precisa fazer alguma coisa sobre a retenção de valor dos seus dispositivos. Caso contrário, o mercado de revenda fica seriamente comprometido. Quem sabe oferecer programas de troca bem interessantes.

Enquanto isso não acontece, só resta aos proprietários dos antigos smartphones top de linha da Samsung tentar vender o seu modelo por um bom preço. Algo que está ficando cada vez mais difícil.

 

Via BankMyCell