A Fitbit apresentou quatro novos dispositivos wearables para 2019: Versa Lite, Inspire, Inspire HR e Ace 2. São modelos pensados para todos os tipos de usuários que querem cuidar da saúde e do condicionamento físico, mas sem deixar de lado o design diferenciado e o preço acessível.

 

 

Versa Lite

 

 

Versão com configurações reduzidas da Fitbit Versa, uma das pulseiras inteligentes mais populares da marca. O novo produto conta com monitor de frequência cardíaca e sensor do SpO2, além de autonomia para quatro dias de uso. Seu preço é de 160 euros.

O produto também é gerenciado pelo Fitbit OS, oferece monitoramento de atividades físicas e do sono, é submergível em até 50 metros de profundidade, mas nada longas rotinas de natação com ela. Também não possui WiFi, NFC e barômetro. Mas para quem só quer monitorar a saúde, pode ser uma solução.

 

 

Fitbit Inspire e Inspire HR

 

 

Conta com 15 modos de exercícios baseados em objetivos, modo de respiração assistida para relaxamento ou monitorização do sono, suportam imersões de até 50 metros de profundidade e suporta longas jornadas de natação, incluem temporizador e cronômetro, além de uma tela OLED para exibir as notificações recebidas do smartphone.

A principal diferença entre a Fitbit Inspire e a Inspire HR está no fato da segunda contar com o sensor de ritmo cardíaco. Uma vez que o exercício começou, ela começa a medir a cada segundo. Na autonomia, as pulseiras podem durar até cinco dias (cada carga completa leva duas horas).

A Fitbit Inspire custa 70 euros, e a Fitbit Inspire HR custa 100 euros.

 

 

Fitbit Ace 2

 

 

Focada nas crianças, com o principal objetivo é fazer com que elas criem hábitos saudáveis através de jogos e atividades virtuais. Tudo isso com um design divertido com esferas animadas e a prova de golpes. A Fitbit Ace 2 é resistente à água (até 50 metros) e conta com bateria para até cinco dias de uso por carga. Chega ao mercado no começo do verão do hemisfério norte e preço inicial sugerido de 70 euros.

 

 

 

Via Fitbit