Compartilhe

Todo mundo gosta de ofertas em planos de telefonia e internet, pois… convenhamos: quem aqui não gosta de pagar menos nessa vida? Por outro lado, nem todos gostam das fidelidades impostas pelas operadoras nas contratações de planos combo (que agregam telefonia móvel, fixa, internet banda larga e TV por assinatura), pois ficar preso a um contrato é um saco.

Por outro lado, se você pode obter vários serviços combinados com um valor mais acessível, fica mais fácil se convencer a ficar atrelado à fidelidade, pois ter mais serviços pagando menos por cada um dos produtos é algo sempre atraente.

Pois bem, a Oi se empolgou e decidiu conquistar os clientes nos planos mais caros, que vão pagar menos pelos planos combinados.

 

 

O combo 200 MB + 200 MB da Oi

O site da Oi está apresentando a oferta de um combo com 200 mega de internet banda larga fixa via fibra ótica + 200 GB de dados móveis no plano pós-pago + TV por assinatura com 186 canais (com Telecine ou HBO dentro do pacote de TV) + telefonia fixa e móvel ilimitados + apps de redes sociais e streaming de mídia sem consumo na franquia de dados + acesso ao Oi Play + roaming de dados nos Estados Unidos. Todos esses serviços, juntos, vão custar para o assinante R$ 369,90 por mês.

É caro? Sim, é. Para a maioria de nós, meros mortais, é um pacote bem caro. Por outro lado, para quem decide contratar todos os serviços de forma individual e/ou separadamente, o valor total pode ultrapassar os R$ 369,90 mensais com muita facilidade, o que acaba valendo a pena para quem tem dinheiro para investir nesse tipo de oferta.

Essa promoção está atrelada aos famigerados 12 meses de fidelização, e após esse período, o combo tem um acréscimo de R$ 20 no valor da mensalidade. De acordo com a Oi, é o pacote completo para os usuários que querem viver uma vida totalmente conectada.

 

 

Será que vai funcionar?

A Oi tenta se recuperar nos aspectos financeiros, e suas estratégias passam por se tornar uma empresa focada nos serviços de fibra ótica, aumentando o número de clientes pós-pagos, em um movimento muito parecido com o que a TIM está tomando para se manter como uma das principais operadoras brasileiras.

Olhando de longe, o plano até pode funcionar. O pacote combo é atraente para quem está disposto a pagar os valores cobrados pela Oi, e pode resultar em uma boa economia.

Por outro lado, talvez incomode um pouco essa estratégia de focar nos clientes pós-pagos e naqueles que pagam mais por mais serviços. A ideia aqui é compreensível, pois são os clientes mais caros que garantem um retorno comercial maior para a prestadora de serviços.

Mas são os clientes dos planos mais básicos que entregam uma maior base de usuários para qualquer operadora. E não adianta nada tentar capitalizar nos planos mais caros se a operadora não consegue entregar uma qualidade de serviço que condiz com esses elevados valores.

Se bem que eu não tenho muito o que reclamar com a Oi. Meu plano controle adquirido na Black Friday 2019 (R$ 99,90 por mês por 100 GB de internet + vários aplicativos sem consumo de franquia + 2500 SMS + chamadas ilimitadas com roaming nacional) funciona muito bem, dentro das expectativas que eu criei com a operadora.

 

Via Oi


Compartilhe