O que a Apple não contou para você sobre o iPhone 13 Pro Max | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia O que a Apple não contou para você sobre o iPhone 13 Pro Max | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Smartphones | O que a Apple não contou para você sobre o iPhone 13 Pro Max

O que a Apple não contou para você sobre o iPhone 13 Pro Max

Compartilhe

Mais uma vez, a Apple apresentou a sua nova família de smartphones iPhone 13, mas não revelou tudo o que poderia. De forma deliberada, a empresa ocultou alguns detalhes dos seus telefones durante a sua apresentação, e esses detalhes são revelados com o passar do tempo, por parte de especialistas em tecnologia e profissionais na parte de telefonia.

Os primeiros processos de desmontagem do iPhone 13 Pro Max revelam detalhes muito importantes sobre o dispositivo, como por exemplo a quantidade de RAM e a capacidade de bateria. E vamos comentar sobre esses detalhes revelados neste post.

 

 

 

O que as entranhas do iPhone 13 Pro Max revelam sobre o dispositivo

Nada melhor que um bom processo de desmontagem de um smartphone para que todos os segredos sobre ele sejam devidamente revelados. Dessa forma, conhecemos não apenas os componentes presentes no dispositivo, mas também quais são as especificações técnicas desses componentes.

O iPhone 13 Pro Max foi desmontado por alguns sites especializados e, por causa disso, conseguimos descobrir o que a Apple não quis contar.

A bateria do iPhone 13 Pro Max possui 3.095 mAh, superando a bateria de 2.815 mAh do seu predecessor. Ainda está abaixo do que os seus principais concorrentes dentro do segmento com o sistema operacional Android, mas ainda assim é uma discreta melhoria de autonomia. Agora, resta esperar que a otimização do iOS faça o seu trabalho.

 

 

O modem 5G presente no iPhone 13 Pro Max é um Qualcomm X60, e sua tela com taxa de atualização de 120 Hz é fabricada pela Samsung. Algo curioso, levando em consideração que estamos falando de duas empresas que são rivais dentro do segmento de mobilidade. Porém, é sempre importante lembrar que as duas empresas se beneficiam (e muito) dos acordos comerciais para fornecimento de componentes, e isso explica a parceria pontual.

A Samsung também fornece a RAM para os novos iPhones, e pelo menos neste processo de desmontagem do dispositivo não foi revelada a quantidade de memória abrigada no iPhone 13 Pro Max. Especula-se que a capacidade está na casa dos 4 GB.

 

 

 

Por que a Apple oculta essas informações?

 

Essa é uma pergunta simples, mas de resposta complexa.

A Apple adota essa prática há muito tempo, e jamais se explicou de forma oficial sobre os motivos que a leva a ocultar essas informações durante o evento de apresentação de um novo iPhone. O máximo que a empresa explicou ao longo do tempo foi que “as pessoas não estão realmente interessadas nisso”, além de evitar a competição de números, focando mais nos benefícios da experiência de uso otimizada.

Em termos práticos: a Apple entende que os números não importam, e sim em como o usuário vai se beneficiar com o bom desempenho do dispositivo. Além disso, qualquer comparativo com o Android é algo injusto, já que o sistema operacional do Google exige muito mais do hardware.

E isso é um fato consumado: o iOS exige muito menos RAM ou bateria para obter um desempenho tão bom quanto os telefones top de linha com o Android. A guerra de números deixa de ser relevante neste caso.

 

 

Via GSMArena


Compartilhe