A Nintendo está processando os responsáveis pelos sites de jogos retrô LoveROMS.com e LoveRETRO.co, exigindo o fechamento dos sites e pedindo milhões e multas por infração de copyright em massa.

A Big N nunca foi com a cara dos emuladores, que são (em muitos casos) a única via dos gamers rodar os jogos do passado. Porém, para muitos, a prática é considerada violação de copyright ou pirataria na dura.

O processo deu entrada no tribunal federal do Arizona (EUA), e envolve vários portais que oferecem ROMs e emuladores de jogos da Nintendo. Entende-se que tais sites são operados pela Mathias Designs LLC.

Na denúncia, a Nintendo afirma que a LoveROMs e a LoveRETRO estão entre os portais mais abertos e notórios para videogames piradas, com uma assombrosa quantidade de cópias não autorizadas de jogos da empresa.

A Big N alega que, além dos jogos com direitos autorais, os sites também distribuem software BIOS proprietário, além de utilizar logos e personagens com marca registrada. E reforça que o processo não é contra usuários, mas sim de amplos conhecedores da propriedade intelectual do material.

A Nintendo pede o fechamento dos sites, a revelação das fontes das ROMs infratoras, e uma indenização por danos e prejuízos de US$ 150 mil para cada jogo infrator, e até US$ 2 milhões pela marca registrada. Somando tudo, o valor da multa alcança assombrosos US$ 100 milhões.

Por fim, a Nintendo considera que tais sites não abraçam a tática como um passatempo, mas sim como operações profissionais que se aproveitam do trabalho alheio.

Mas… será que existe dano real para a Nintendo? Levando em conta que os jogos não são mais comercializados, a não ser que a Big N aposte de vez no mercado retrô e ofereça uma via oficial para que os jogos cheguem aos usuários, não faz muito sentido tais processos, a não ser pelos motivos conceitualmente alegados pela empresa (que, na letra fria da lei, dá a razão para a Nintendo, e é bom que isso fique claro).

Pelo menos por enquanto, a LoveRETRO fechou as suas portas. Veremos o que virá a seguir.

 

Via Torrent Freak