Compartilhe

A Honor apresentou oficialmente o Honor V30, sucessor direto do Honor V20, que foi anunciado em dezembro de 2018. O novo modelo chegou para seduzir muita gente com o seu conjunto de câmeras e um desempenho poderoso.

A renovação está assentada nas bases apresentadas pelo Honor V20, com notch na tela para a câmera frontal, maior aproveitamento da frontal, várias câmeras traseiras, potência máxima e notável autonomia. É chamativo nas cores, com um acabamento em degradê, e o conjunto entrega uma evolução no segmento top de linha da Honor.

 

 

Honor V20 vs Honor V30: As Diferenças Técnicas

 

 

O Honor V30 conta com o processador mais potente da empresa, o Kirin 990, que trabalha com o processamento neuronal e permite a conectividade 5G, sendo este o primeiro smartphone da Honor a oferecer esse tipo de conectividade de série.

O Honor V20 ainda é bem potente, graças ao Kirin 980, e ainda é uma ótima opção para compra em 2019, entregando uma boa experiência geral e mantendo uma elevada autonomia de bateria, algo que se tornou uma característica marcante dos telefones da Honor e da Huawei.

As demais especificações variam de nível, sem entregar uma exagerada evolução de uma geração para outra. RAM e armazenamento de sobra, USB-C, nada de slot SD no Honor V30 (o Honor V20 tem), nada de conector de 3.5 mm no V30 e o leitor de digitais sai da parte traseira para a lateral direita no modelo de 2019. Em ambos os casos, o leitor de digitais é do tipo capacitivo.

 

 

A grande evolução está mesmo no 5G

 

 

Existem melhorias pontuais nos aspectos fotográficos, especialmente pela inclusão de mais câmeras e objetivos (o Honor V30 aproveita a grande angular e a telefoto, além de melhorar as selfies com a câmera dupla com grande angular). Seu design mantém o degradê, e na conectividade o V30 é preparado para quase tudo.

Porém, o grande diferencial do Honor V30 é a presença da conectividade 5G, incluindo no modelo V30 Pro. Os dois chegam compatíveis com as redes 5G SA e NSA, ou seja, são smartphones prontos para o futuro, se conectando a qualquer tipo de rede na maioria dos países do planeta.

Os preços não devem mudar muito, e quando o Honor V30 se tornar internacional, ele vai se transformar em Honor View 30. A grande incógnita está nos aplicativos e serviços do Google. Aqui, podemos ter uma involução: será que o Honor View 30 não vai contar com o Google Apps, como aconteceu com o Huawei Mate 30 Pro?

Ao que tudo indica, sim.


Compartilhe