Compartilhe

O HONOR MagicBook Pro 2020 é a evolução do ultrabook de 16.1 polegadas lançado no ano passado, com chassi de alumínio e Windows 10 Home como sistema operacional. Ele busca ser uma opção compacta para uma tela que é maior do que o normal, mas mantendo a baixa espessura e elevada portabilidade.

 

 

 

16.1 polegadas onde antes cabiam 15.6

 

 

O chassi de alumínio está mantido, para oferecer a elegância combinada com a resistência de um portátil ultrafino (16.9 mm de espessura) e bem leve (1.7 kg). Suas bordas de 4.9 mm resultam na integração de uma tela de 16.1 polegadas em um corpo onde normalmente se integraria uma tela de 15.6 polegadas. Essa tela conta com resolução Full HD, com 100% de cobertura do espaço de cores sRGB e 90% de ocupação da parte frontal.

 

 

 

16 GB de RAM e processadores Intel de décima geração

 

 

O principal ponto de destaque do novo HONOR MagicBook Pro 2020 está na adição dos processadores Intel de décima geração, com configuração mínima de 16 GB de RAM e duas variantes (Core i5-10210U e Core i7-10510U). Os gráficos continuam a ser da NVIDIA, mas agora é a GeForce MX350, com 2 GB de memória dedicada.

Estão mantidas as portas de entrada e saída, com HDMI, USB Type-C para recarga, três portas USB 3.0 e conector para fones de ouvido. Também conta com Bluetooth 5.0, teclado retroiluminado, som Dolby Atmos e bateria com autonomia prometida de até 14 horas. Para quem precisa trabalhar o dia inteiro longe de casa ou do escritório, aqui está uma interessante alternativa.

 

 

 

HONOR MagicBook Pro 2020: preço e disponibilidade

 

Os novos HONOR MagicBook Pro 2020 foram anunciados primeiro na China, com os preços iniciais sugeridos (já convertidos) a seguir:

 

HONOR MagicBook Pro 2020 com Intel Core i5: 779,3 euros.
HONOR MagicBook Pro 2020 com Intel Core i7: 870,2 euros.

 

 

 

HONOR MagicBook Pro 2020: primeira opinião

 

 

Eu sou suspeito para falar sobre os notebooks, principalmente quando são notebooks tão finos, leves e potentes. Sou o tipo de pessoa que ainda precisa ter um bom computador para realizar as tarefas diárias, e o HONOR MagicBook Pro 2020 poderia cair como uma luva para as minhas necessidades.

Mas é preciso posicionar o produto no segmento ao qual ele realmente pertence. Esse modelo custa (em teoria) menos de 1.000 euros (os preços podem ser mais caros quando este notebook chegar à Europa, e ainda mais caros caso seja lançado no Brasil – deixando claro que não há confirmação de lançamento do modelo para outros mercados), mas conta com processadores Intel de décima geração da série U, ou seja, a série de entrada de sua família.

Ou seja, o HONOR MagicBook Pro 2020 é para o uso do dia a dia em qualquer lugar. É perfeito para usuários que querem produzir textos, navegar na internet, trabalhar em aplicativos de escritório, jogar alguns games casuais e até arriscar alguns softwares de edição de vídeos e áudio.

O que já é o suficiente para a maioria dos usuários.

E por esse preço sugerido, é fácil concluir que esse portátil vai ter uma certa procura em alguns sites de importação de produtos. Ou pelo menos vai despertar a curiosidade de alguns usuários. Como é o meu caso: com certeza vou querer saber mais sobre ele.


Compartilhe