Hasbro vai relançar o minigame dos anos 90 (e eu jogo dinheiro na tela do notebook…) | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Hasbro vai relançar o minigame dos anos 90 (e eu jogo dinheiro na tela do notebook…) | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Gadgets e Acessórios | Hasbro vai relançar o minigame dos anos 90 (e eu jogo dinheiro na tela do notebook…)

Hasbro vai relançar o minigame dos anos 90 (e eu jogo dinheiro na tela do notebook…)

Compartilhe

Eu não tive a chance de ter um desses minigames na infância. Minha família era pobre, e meus pais trabalhavam muito duro para colocar comida na mesa. O que não me impediu de olhar para esses gadgets com empatia e amor.

Agora, saber que a Hasbro lá fora vai relançar esses minigames clássicos enche o coração dos fãs de alegria e esperança por finalmente poder utilizar um dos produtos mais desejados dos anos 90. Nesse momento, temos mais é que agradecer ao momento presente, onde o retrô está na moda, especialmente no mundo dos videogames.

Para quem não viveu essa época (e eu lamento por você que não viveu, pois eram tempos realmente mágicos e revolucionários), esses minigames eram uma espécie de videogame com gráficos monocromáticos sobre um fundo colorido e um design que evoca as propostas de consoles da época.

Como particularidade, esses consoles portáteis contavam com um único jogo, diferente dos consoles retrô que funcionam com emuladores (o que permite o armazenamento de centenas de jogos em um único dispositivo). A ideia da Hasbro tem como principal objetivo manter a essência do produto original, tanto no seu design como nas suas características técnicas.

 

 

 

O Game Boy “de pobre” está de volta

 

 

A Hasbro deve lançar pelo menos quatro modelos diferentes do minigame, que se diferenciam em função do jogo que está armazenado em sua memória. Os quatro títulos escolhidos para os novos produtos são: X-Men Project X, The Little Mermaid, Transformers e Sonic the Hedgehog 3. Cada jogo foi ‘inspirado’ na versão original da década de 90, mantendo os gráficos monocromáticos e entregando comandos de ação simples.

O grande apelo desse produto era o seu preço. Na época, o Game Boy era o console portátil do momento, mas era muito mais caro, ainda mais considerando o fato que você precisava ter vários jogos para que o console fosse interessante e comprar quatro pilhas AA para manter o produto funcionando.

Já os minigames eram muito mais baratos, e continuam a ser: o relançamento da Hasbro tem um preço sugerido (lá fora) de apenas US$ 14,99. Esse console funciona com duas pilhas AA (não inclusas), e os mais ansiosos terão que esperar alguns meses para comprá-lo, uma vez que o produto só deve chegar ao mercado no outono norte-americano (reservas começando em agosto).

 

 

Por enquanto, não sabemos mais características ou um vídeo teaser que permite ver qual será a jogabilidade desses minigames. No original, a simplicidade dos gráficos (e da tecnologia disponível em sua época) até poderia cansar a alguns usuários em poucos minutos, mas a maioria conseguia se divertir com a proposta. Mas podemos esperar por algumas mudanças na sua jogabilidade.

No Brasil, não há informações se esses minigames serão lançados por aqui. A Tectoy, empresa que lançou a proposta por aqui e mantém os direitos desse design, não se manifestou oficialmente sobre o assunto. Só publicou um post em 2016 destacando o formato e conceito do brinquedo, mas sem esboçar um eventual lançamento dessa proposta no futuro.

Para os mais saudosistas, ainda é possível encontrar esses minigames em sites como Mercado Livre e OLX para venda. Porém, por serem considerados itens raros, os preços são considerados proibitivos (variam entre R$ 239 e R$ 550, em uma rápida pesquisa).

 

 

Via The Verge


Compartilhe