Gmail vai corrigir os seus erros de ortografia e gramática | TargetHD.net TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia
Press "Enter" to skip to content

Gmail vai corrigir os seus erros de ortografia e gramática

Compartilhe

Por ser utilizado por (quase) todo o mundo, o Gmail está dando mais ênfase para alguns detalhes que podem ser essenciais para o dia a dia de usuários com diferentes perfis. Por exemplo, uma má redação de um e-mail pode levar a um erro, uma crítica ou uma má projeção pessoal.

Logo, uma redação ruim ou péssima ortografia de usuários do mundo inteiro foram os motivos perfeitos para o Google ler as suas mensagens e corrigisse as mesmas. Para isso, a G Suite foi turbinada com a integração de uma nova inteligência artificial que pode revisar e corrigir a gramática e a ortografia dos e-mails ao mesmo tempo em que os mesmos são redigidos, substituindo palavras sobre a própria escrita e melhorando a mensagem.

 

 

Correção em tempo real (ou algo bem próximo disso)

 

 

O processo tradicional utilizado até agora marcava com um sublinhado com linha vermelha aquelas palavras que podem estar mal escritas ou com erro de concordância. Então, o usuário tinha que dar um clique com o botão direito do mouse sobre a palavra e escolher a palavra correta do dicionário. Agora, tudo vai ficar mais simples.

Com os erros mais comuns de ortografia, o Gmail vai marcar o erro em uma fração de segundo e, logo depois, muda a palavra para a forma correta.

Mas, como já era de se esperar, tal mudança só estará disponível nesse primeiro momento para o idioma inglês. Mas será uma questão de tempo para que desembarque nos demais idiomas.

Uma coisa é certa: podemos esperar que essa inteligência artificial de correção ortográfica do Google vai ser muito potente. Ou melhor, só pode ser muito potente. Eu sei que cometo erros de concordância gramatical e de ortografia em alguns posts do TargetHD.net. Mas nada chega no nível de estupidez linguística que eu encontro pela internet.

Especialmente com a galera nova que acredita não ser necessário ter nenhum tipo de compromisso futuro com o “escrever o português da forma mais correta possível”. Como essa IA do Google vai combater o internetês? É um desafio enorme, convenhamos…

 

Via Gmail


Compartilhe