Press "Enter" to skip to content
Você está em | Home | Smartphones | Por que o Galaxy A05s cancela a existência do Galaxy A05 no Brasil?

Por que o Galaxy A05s cancela a existência do Galaxy A05 no Brasil?

Compartilhe

Dona Samsung… por que não lançou o Galaxy A05s antes?

Confesso que algumas decisões que a Samsung toma para seus produtos são bem estranhas. Explico: lá fora, o Galaxy A05s é promovido sem maiores problemas com o Galaxy A05, que é mais modesto e acessível. Aqui, os telefones foram trabalhados com lançamentos individuais.

Não faz o menor sentido. A não ser que o único objetivo do lançamento antecipado do Galaxy A05 fosse mesmo tentar esfriar de alguma forma a chegada do Moto G34 no Brasil (e conseguiu). E… mesmo assim: o concorrente do novo telefone de entrada da Motorola é o Galaxy A15.

Bom, só me resta tentar entender melhor o que aconteceu aqui.

 

O que o Galaxy A05s tem de bom

Bom, ele é indiscutivelmente melhor que o Galaxy A05, com um hardware mais promissor e especificações discretamente melhores, inclusive para um uso mais básico do Android.

A tela de 6.7 polegadas continua a ser uma PLS LCD, mas ao menos entrega a resolução FullHD+ no lugar do HD+ do irmão menor. Goste você ou não, ao menos é uma tela que entrega as imagens com uma qualidade um pouco maior.

O Galaxy A05s também recebe um sensor a mais no seu conjunto de câmeras, que é composto por uma lente principal de 50 MP, acompanhada por uma câmera macro com 2 MP e um sensor de profundidade de 2 MP.

Este ainda é um telefone com conectividade 4G, e não tem nada de errado nisso, pois esse é um smartphone de entrada básico. Mas a presença do processador Snapdragon 680 (que é mais fraco que o Snapdragon 695 presente no Moto G34) faz uma boa diferença em relação ao Galaxy A05.

E esse processador vai trabalhar com 6 GB de RAM, um pouco a mais do que os 4 GB do irmão melhor, mantendo os 128 GB de armazenamento. E esses 2 GB de RAM a mais vai ajudar (e muito) na gestão do Android e dos aplicativos.

Do mais, o mais do mesmo que a gente espera de um produto como esse: bateria de 5.000 mAh com carga rápida de 25W, Android 13 com One UI 5.1, WiFi, Bluetooth e USB-C, além do peso de 194 gramas.

 

O Galaxy A05 faz algum sentido a partir de agora?

Sinceramente? Para mim, não. Mas para o mercado brasileiro, o “talvez” não é uma reposta absurda. Até porque eu faço um esforço enorme para enxergar alguma razão do Galaxy A05 existir depois do anúncio do Galaxy A05s.

O mercado brasileiro de smartphones é enorme, e muitos usuários só podem pagar, no máximo, R$ 1.000 em um smartphone. Não podemos nos esquecer que a grande maioria só recebe no máximo dois salários-mínimos.

Logo, colocar no mercado um telefone que custa R$ 800 atende a boa parte do público consumidor brasileiro que não pode ir além do valor de R$ 1.000. O Galaxy A05 é o telefone que faz o básico do básico, e conta com suporte para dois anos de atualizações da Samsung.

Por outro lado, quero acreditar que “quem paga R$ 800 paga R$ 1.000, inclusive no parcelado com juros”. E aqui, a Samsung poderia ter lançado o Galaxy A05s de forma direta, dispensando o Galaxy A05.

Ou lançar os dois juntos. Mas como a Samsung entende que o Galaxy A05s se aproxima mais da proposta do Galaxy A15 e A25 (o que não é um entendimento tão errado assim), o resultado foi a automática canibalização do Galaxy A05.

As diferenças entre o A05 e o A05s são consideráveis, e eu pagaria R$ 200 a mais para ter o modelo melhor, considerando que o meu limite de orçamento é exatamente R$ 1.000.

Os R$ 200 a menos só cabe se você usar esse dinheiro para comprar um case, o transporte ida e volta para o shopping e o almoço na praça de alimentação. E, mesmo assim, dá para comprar o smartphone pela internet, e economizar essa grana do mesmo jeito.

 

Vale a pena?

O Galaxy A05s é um telefone de entrada básico bem mais ajustado que o seu irmão menor, e minha recomendação de compra é baseada nisso também.

Não é um telefone de elevada potência, e alguns podem até reclamar da ausência do 5G nesse telefone (alguns modelos da concorrência oferecem isso em faixas de preço um pouco mais elevadas), mas o conjunto é interessante, considerando os detalhes.

6 GB de RAM com o Snapdragon 680 podem resultar em uma experiência de uso muito mais agradável que 4 GB de RAM e um processador MediaTek básico. E isso, por melhor que o MediaTek Helio G85 seja para esse propósito.

Logo, entendo que o Galaxy A05s pode sim ser uma escolha interessante para quem está com o orçamento mais curto. Você pode até olhar para os lados para encontrar uma proposta similar e com preço tão interessante quanto, mas te garanto que esta não é uma missão das mais fáceis neste momento.

 

Preços


Compartilhe