Temos dois ótimos notebooks gaming da Acer novinhos para análise e comparativo, nos modelos Predator Helios 500 e Helios 300. Os modelos contam com excelentes características técnicas, onde o Helios 500 é o mais virtuoso e o Helio 300 é o mais comedido.

Mas isso não quer dizer que um é muito pior que o outro, mas sim que cada um é mais direcionado para públicos diferentes. Na hora de decidir por qual comprar, você deve pensar no que você procura e se você precisa ou não de potência bruta para suas finalidades.

Para os mais indecisos, esse post pode ajudar a deixar tudo mais claro.

 

Design e tela

 

 

Ambos oferecem linhas futuristas e chamativas próprias desse setor. Não deixam ninguém indiferente, mas oferecem algumas diferenças.

O Acer Predator Helios 500 é maior, construído em plástico e e com bordas angulosas e não tão marcadas como no Helios 300. Chamam a atenção as saídas de ventilação na parte traseira e a atraente cor azul, saindo do vermelho sangue tradicional no segmento de notebooks gaming.

Uma das desvantagens do Helios 500 é justamente o seu tamanho maior (17.6 polegadas, Full HD ou 4K) e seu peso (4 kg). O transporte é bem complicado, mas leve em conta isso se for realmente o seu caso transportá-lo de um lado para outro. Por outro lado, os dois modelos contam com tecnologia NVIDIA G-Sync, o que melhora a sincronização da tela com os gráficos para reduzir o tearing ou faixas horizontais.

Já o Acer Predator Helios 300 tem chassi de policarbonato que combina o preto e o vermelho. Tem tampa metalizada mais angulosa, com faixas de ventilação menores, mas que se alargam por toda a parte traseira. Os dois modelos compartilham características, como teclado retroiluminado e o selo Predator na tampa e no interior. O recurso anti ghosting evita interrupções e atrasos ao acionar combinações de teclas com muita rapidez.

O Helios 300 pesa 2.67 kg, sendo assim mais portátil. Seu trackpad é maior que o do Helios 500, mas a tela é menor (15.6 polegadas, IPS, Full HD). De qualquer forma, a boa qualidade de imagem está garantida aqui.

 

Processador e gráficos

 

 

Aqui, grandes diferenças. O Helios 500 é uma autêntica besta, com um processador Intel Core i9+ 8900HK de seis núcleos a 2.9 GHz, com overclock de 4.8 GHz em modo turbo.

Combine essa potência com até 64 GB de RAM e gráficos NVIDIA GTX 1070 com 8 GB de memória dedicada. Ou seja, rodar jogos de última geração jamais será um problema com esse notebook.

Já o Acer Predator Helios 300 recebe um processador Intel Core i7-7700HQ de quatro núcleos a 2.8 GHz, com modo turbo de 3.8 GHz, trabalhando com até 32 GB de RAM, gráficos GeForce GTX 1060 com 6 GB. São números suficientes para rodar qualquer jogo atual sem maiores problemas.

No armazenamento, o Helios 500 oferece mais (até 1 TB em SSD e 2 TB em HD, contra 128 GB de SSD + 1 TB de HD do Helios 300).

 

 

Conexões e funções destacadas

 

 

Ambos contam com um amplo leque de portas. O Helios 500 facilita a exibição de imagens em até três monitores simultaneamente com as portas Thunderbolt 3 e HDMI 2.1 incluídas. Também conta com duas portas USB 3.0 e uma USB Type-C, além de dois alto-falantes e um subwoofer 2.1.

Já o Helios 300 possui uma porta Ethernet, USB Type-C, HDMI, USB 3.0 e slot para cartões SD, além de duas portas USB 2.0 e conector de 3.5 mm. Os dois equipamentos incluem conexão WiFi e Bluetooth.

Os dois modelos são gerenciados pelo Windows 10, que vai voar nos dois casos. O Helios 500 conta com um sistema de dissipação de calor que combina dois ventiladores metálicos com cinco tubos de calor, que se encarregam de levar o ar frio para áreas consideradas chave do equipamento, ao mesmo tempo que expulsam o calor do interior do portátil.

Na bateria, o Helios 500 tem autonomia prometida para aproximadamente três horas e meia, enquanto que o Helios 300 registra até nove horas de uso. É um detalhe importante para quem quer utilizar o notebook fora de casa.

 

Preços e disponibilidade

 

 

Os dois notebooks já estão disponíveis no mercado internacional. O Helios 500 tem preço inicial sugerido de 2.000 euros, enquanto que o Helios 300 pode ser encontrado a partir de 1.300 euros.

Em resumo: o Helios 300 é para quem quer rodar jogos com competência em qualquer lugar, economizando alguma grana no processo. O Helios 500 é para quem quer uma potência máxima, sem se importar com o quanto vai pagar por isso.