Wetten.com Brasil Apostas
Home » Dicas de Compras » Vendedores desconhecidos na Amazon são confiáveis?

Vendedores desconhecidos na Amazon são confiáveis?

Compartilhe

A Amazon é a maior varejista online do mundo, e em tempos de isolamento social preventivo para evitar o aumento da atual pandemia, vários novos vendedores independentes apareceram na plataforma de compra e venda. A maioria desses novatos vende eletrônicos com preços significativamente menores aos cobrados pela média do mercado, e isso desperta dúvidas dos mais receosos.

Muita gente começa a desconfiar sobre a segurança dessas transações, já que os vendedores não contam com reputação na Amazon e as opiniões sobre experiências de compra e venda são escassas. Ou seja, não dá para saber se o comprador é confiável.

Por isso, as perguntas são pertinentes: é seguro comprar de vendedores desconhecidos na Amazon? São vendedores falsos? Quais as garantias que a Amazon oferece se acontecer algum problema?

Vamos tentar responder a essas perguntas nesse post.

 

 

O estado ou modelo do produto não coincide como a descrição

 

 

Alguns usuários estão denunciando que os produtos não são novos, ou não correspondem com o modelo anunciado, ou que chegam com defeito. Normalmente essas opiniões estão condicionadas com produtos comprados na própria loja.

Isso normalmente acontece na compra de produtos eletrônicos, mas podem acontecer em outras categorias de produtos. Vendedores fraudadores acabam adotando essa prática, que prejudica de forma direta o usuário.

 

 

 

Os produtos chegam com atraso ou não chegam

 

 

Tudo bem, nós entendemos. No momento em que produzimos esse post, o Brasil vive o período da pandemia e do isolamento social, e a logística dos Correios não está funcionando de forma plena. Logo, os prazos de entrega podem variar (e muito) daqueles oferecidos pela Amazon em seus produtos próprios.

Porém, alguns usuários podem se deparar com prazos de entrega que podem durar semanas. E isso, quando recebem o produto. Em caso de não recebimento, só resta uma alternativa: recorrer à garantia oferecida pela Amazon.

Porém, alguns usuários também alegam que realizar uma reclamação na Amazon não é uma das tarefas mais fáceis do mundo. Mas pode funcionar: alguns compradores receberam a encomenda depois de reclamar para a varejista. Na pior das hipóteses, você recebe o dinheiro de volta.

 

 

 

Produtos que vieram de outros países

 

 

Novos vendedores sem pontuação média normalmente vendem produtos eletrônicos. E, em boa parte dos casos, a diferença de preço está no fato dos produtos não estarem fisicamente no Brasil, mas sim em outros países, tradicionalmente na China.

O maior inconveniente nesse tipo de compra é não contar com uma garantia por parte do fabricante. As marcas só oferecem garantias para produtos comercializados dentro do território nacional. Se o item conta com uma numeração de série da Ásia ou dos Estados Unidos, muito provavelmente você não terá a garantia do fabricante em caso de problemas.

 

 

 

Quer um conselho de amigo?

 

 

Mesmo que a Amazon fique do lado do cliente em caso de problemas com a sua garantia nas vendas, o mais recomendado nesse caso é evitar os vendedores novatos e sem qualificação ou relatos de experiências de compra e venda na loja.

Se ainda assim você decidir comprar com esses vendedores, veja os comentários de outros compradores para evitar sustos. E… lembrando: nem todas as opiniões positivas são confiáveis, pois algumas são compradas pela própria loja.


Compartilhe