Arquivo para a tag: froyo

As distribuições Android: KitKat em alta, Jelly Bean em baixa

by

androidkitkatlogoaam

Como acontece a cada mês, chegou a hora de conhecer a quantas andam a distribuição das versões do sistema Android, de acordo com dados coletados pela própria Google. Na análise fechada no começo de maio, foi registrado um sólido aumento do Android 4.4.x KitKat, que passou de 5.3% para 8.5% na cota de mercado.

Interpretamos esse aumento da última versão como um efeito diretamente relacionado a queda do Android 4.1/4.2/4.3 Jelly Bean, que tem uma vantagem ligeiramente menor (de 61.4% para 60.8%). As demais versões mais antigas (Gingerbread, Froyo, Honeycomb, Ice Cream Sandwich), seguem vivas, mas perdendo terreno lentamente.

2

Os dados foram recolhidos a partir das visitas na Google Play nos últimos sete dias, antes do dia 1 de maio. Sobre a próxima versão do Andoid – supostamente a 4.5 – pouco sabemos. De fato, se especula que ela não será apresentada na Google I/O, e só chegaria ao mundo uma vez depois.

Se você quer conhecer melhor a evolução do Android no mês de abril, clique aqui e veja os dados completos.

2-3

Android KitKat dobra a sua presença entre os dispositivos ativos; Gingerbread continua saindo de cena

by

androidkitkatlogoaam

Assim como acontece a cada mês, a Google divulgou os dados sobre a distribuição das versões Android no mercado (ou popularmente conhecido como “processo de fragmentação do Android”, com a esperança de ver como as últimas atualizações do sistema começam a dominar a situação.

O último relatório também mostra que um maior número de usuários passam a contar com a última versão do Android. A versão 4.4 KitKat dobrou os seus números de participação de mercado, chegando a 5.3% de cota, contra 2.5% registrados na medição feita no mês passado. O crescimento está relacionado com as elevadas vendas de modelos como Samsung Galaxy Note 3, Galaxy S4, HTC One e Motorola Moto G.

datos-abril-2014

Outro dado que chama a atenção está relacionado com a imortal versão Android 2.3 Gingerbread. Essa versão finalmente deixou de ser a segunda mais utilizada, passando a contar com 17.8% da cota de mercado Android. O Gingerbread foi finalmente superado pela versão Android 4.2 Jelly Bean, que conta agora com 18.1%.

A quarta colocada no ranking Android é a versão 4.0 Ice Cream Sandwich, com 14.3% (antes eram 15.2%). O que mais chama a atenção é que a quinta versão é a Android 4.3 Jelly Bean, que registrou uma queda nos seus números, provavelmente pelo fato que a maioria dos dispositivos que hoje contam com a versão 4.4 foram atualizados a partir da versão 4.3.

Na lanterna, ainda temos as insistentes versões 2.2 Froyo, com 1.1%, e o Android 3.2 Honeycomb, com 0.1%.

datos-abril-2014-tabla

É sempre bom lembrar que as estatísticas são recolhidas a partir do acesso dos dispositivos Android na Google Play, e que esse último estudo corresponde ao período de coleta da dados do mês de março, com a janela se encerrando em 1 de abril.

Via Android Developers

Jelly Bean supera os 50% de cota de mercado Android

by

android-mercado

Demorou, mas aconteceu. Finalmente a versão Jelly Bean do Android tem mais de 50% do mercado do sistema operacional da Google.

A gigante de Mountain View publicou as últimas estatísticas de usuários ativos, logo após anunciar o lançamento oficial da nova versão do sistema operacional (Android 4.4 KitKat), e o gráfico de distribuição das versões mostra que os dispositivos em uso com as ROMs baseadas nas versões 4.1.x, 4.2.x e 4.3 já superam mais da metade do total, com uma cota de 52.1%. A segunda versão mais popular segue sendo a 2.3.x Ginerbread, que ainda possui respeitáveis 26.3%, mas cada vez mais possui menos espaço no mundo mobile.

Por outro lado, o Gingerbread aparece para nos lembrar que ainda existe um bocado de smartphones e tablets “antigos” no mercado. Resta saber se esses dispositivos morrerão no Gingerbread, ou se alguns deles ganharão uma sobrevida com o Android KitKat (uma vez que a Google promete que o sistema pode ser funcional em dispositivos com baixas especificações de hardware).

A terceira posição segue com a versão Ice Cream Sandwich, que perde mais e mais força, representando 19.8% dos dispositivos que acessaram a Google Play na última semana.

E, para a perplexidade de muitos, a versão Froyo ainda segue viva, com apenas 1.7% dos usuários que acessam a loja de apps da Google. Muito provavelmente, esses usuários são aqueles que não querem abandonar o seu Motorola Milestone.

Também existem dispositivos com versões do Android mais antigas que o Froyo, mas a Google não inclui a sua porcentagem no relatório, uma vez que tais versões perderam a capacidade de acessar a loja de aplicativos, por evidentes questões de incompatibilidade. Além disso, esse relatório é voltado especialmente para os desenvolvedores, que não pensa mais nas versões antigas do Android na hora de desenvolver os seus aplicativos.

Via developer.android.com

Jelly Bean próximo de alcançar os 50% de todos os dispositivos Android

by

android-september-2013

De uma forma estranha (mas da sua maneira), a Google vai derrotando o monstro que eles mesmos criaram, chamado Android Gingerbread. Com o Android 4.4 KitKat prestes a ser lançado, o último relatório mensal que mostra o nível de penetração das versões do sistema operacional entre os dispositivos mostra que o Android Jelly Bean se consolidou na liderança, e já está presente em quase a metade de todos os dispositivos Android ativos no planeta.

Para ser mais preciso, o Android Jelly Bean (4.1.x, 4.2.x e 4.3) está presente em 48.6% de todos os dispositivos ativos no final do mês de setembro. Porém, a versão mais recente – a 4.3 – está presente em apenas 1.5% dos dispositivos. Ou seja, a Google não consegue mesmo resolver o problema da fragmentação do Android, não importa o que aconteça. Sim, pois enquanto que nas demais versões a culpa recai sobre os fabricantes (que não querem atualizar dispositivos que já estão com algum tempo no mercado), nesse caso, o Android 4.3 ficou por meses exclusivo nos dispositivos da linha Nexus, e só agora os demais fabricantes começam a receber o novo software.

E isso, porque o Android 4.4 KitKat tem tudo para ser lançado ainda nesse mês de outubro. Logo, esse quadro de fragmentação ainda vai piorar.

Falando das demais versões, a 4.0.x Ice Cream Sandwich ainda conta com 20.6% do mercado Android, a Honeycomb sobrevive de forma quase absurda, com apenas 0.1% do mercado, a versão 2.3.x Gingerbread continua sendo uma pedra no sapato da Google, com 28.5%, e de forma mais absurda ainda (mais que a Honeycomb com certeza), a versão 2.2 Froyo ainda conta com 2.2% dos dispositivos ativos do mercado. E esse último tem um culpado: os fabricantes “alternativos”, que lançam os smartphones Android “xing-ling”, com um hardware de baixa qualidade, e com um sistema defasado para dar conta de tudo.

E eu inicio a campanha “por um mundo sem Android Froyo e Android Honeycomb, pelo menos” (se eu pudesse, o Gingerbread também desaparecia rapidinho, mas essa é uma missão praticamente impossível a essa altura do campeonato).

Via developer.android.com

Ice Cream Sandwich está em 16% dos dispositivos Android. Já o Jelly Bean estreia em pobres 0.8%

by

O Android não é só um dos sistemas operacionais mais importantes do mundo no que se refere a dispositivos móveis, mas também é um dos mais utilizados. Em pouco tempo ele se transformou no #1 por dois motivos primordiais: primeiro, porque veio das mãos do Google, e segundo, por ser um produto de software aberto.

De tempos em tempos, o Google apresenta ao mundo mais provas do seu domínio no mundo dos sistemas operacionais móveis, detalhando como essa expansão é ordenada. Mais uma vez, eles apresentaram números oficiais do crescimento do sistema operacional, revelando a porcentagem de uso das diferentes versões.

Antes de qualquer coisa, vale a pena esclarecer que estes números são baseados nos dispositivos que entram de forma oficial na Google Play. Ou seja, os dispositivos Android “não oficiais”, de fabricantes alternativos, não entram na conta, o que torna a conta inexata. Dito isso, segundo as estatísticas reveladas pela empresa de Mountain View, o Ice Cream Sandwich está em 15,9% dos dispositivos ativos. Seu aumento foi de 50% em relação ao último mês. O modelo mais utilizado ainda é o Gingerbread, com 60% do mercado. O Froyo ficou na terceira posição, com 15,5%.

Quem não teve o “boom” esperado foi o Jelly Bean, que tem apenas 0.8% do mercado. Aqui, fica claro o motivo: esta é uma versão recém lançada, e com muitos poucos dispositivos recebendo o produto. Com o aumento do número de aparelhos compatíveis com essa atualização, certamente esta porcentagem vai subir.

Mas o mais importante é que os números mostram claramente a chamada fragmentação do sistema. Por causa do rápido lançamento de novas versões, e a lenta implementação por parte das empresas, há muitos dispositivos que ainda usam as versões mais velhas do Android (como o Froyo, nesse caso), que não permite que o usuário desfrute de todos os benefícios e características que o Android recebe a cada nova versão.

Via Celularis

Android, em números: Gingerbread segue líder, enquanto que o Ice Cream Sandwich cresce lentamente

by

O Google publicou o seu já tradicional estudo de distribuição de versões do seu sistema operacional, e os resultados mostram um pequeno crescimento do Ice Cream Sandwich, que agora conta com 10.9% da participação total dos dispositivos Android do mercado.

Na liderança, e mantendo um domínio completo e absoluto, temos a versão Gingerbread, com 64% do mercado. Esse número deixa bem claro qual é a versão do sistema operacional que está nos bolsos da grande maioria dos usuários do Android. Na segunda posição, bem atrás, está o Android 2.2 Froyo, com discretos 17.3%, e em terceiro lugar, temos o Ice Cream Sandwich, com os já citados 10.9%. As demais versões contam com porcentagens muito baixas (incluindo a Honeycomb e a recém lançada Jelly Bean, que até foi ignorada do estudo).

A pergunta é: será que no próximo relatório do Google teremos o Android 4.0 na frente do Android 2.3?

Via developer.android.com

Ice Cream Sandwich alcanca os 7.1% da base de usuários Android

by

Ok, eu sei. Chega a ser agoniante ver a lenta evolução do Ice Cream Sandwich para muitos usuários que desejam ver o sistema em seus dispositivos móveis, mas o certo é que a plataforma continua com o seu lento avanço.

Segundo os próprios números do Google através do hub de desenvolvedores do Android, o Ice Cream Sandwich alcançou os 7.1% de usuários de smartphones e tablets do sistema, o que é um aumento até considerável, se pensarmos que no mês passado esse número era de 4.9%. Mas o fato é que a situação atual da plataforma não mudou muito: o Gingerbread segue aumentando sua participação, com 65%, e a fragmentação do sistema aumentou de um mês para cá, com a queda das versões Eclair e Froyo. Abaixo, quadro detalhado de como anda a participação das versões do Android.

Via developer.android.com

[Dicas de Compras] Samsung Galaxy Tab de 5 polegadas: nem 4.27, nem 7 polegadas

by

A Samsung oferece tablets para todos os gostos, tamanhos e bolsos. Para atender um público que quer ter um dispositivo com uma tela um pouco maior que a do Galaxy S II, mas que não seja tão grande quanto o Galaxy Tab original de 7 polegadas, eles lançaram o Galaxy Tab de 5 polegadas, que fica no meio do caminho entre os dispositivos.

O modelo conta com sistema operacional Android 2.2 e conectividade WiFi (ATENÇÃO: O MODELO NÃO POSSUI CONECTIVIDADE 3G, E NÃO TEM FUNÇÃO DE TELEFONE). Seu poderoso processador de 1 GHz, garante uma boa performance, para as principais atividades multimídia, como áudio, vídeo e jogos. Pelo GPS integrado, você pode localizar endereços pelo Google Maps, ou fazer check-ins no Foursquare.

Sua câmera de 3.2 polegadas é capaz de registrar boas imagens, além de uma boa performance para videoconferências via Skype. Você pode armazenar os seus conteúdos preferidos nos 8 GB de memória interna do produto, ou em um cartão de memória de até 32 GB (vendido separadamente). Além disso, você conta com as conectividades Bluetooth e AllShare, para uma maior liberdade de compartilhamento de arquivos e produção de conteúdo. Isso, sem falar nas funções de player musical e rádio FM integrados.

Preço: R$ 499,00

Celular Verzo Kinzo chega oficialmente ao mercado

by

A Verzo anunciou o lançamento do elegante Kinzo, um celular com design da Novague, com tela TFT capacitiva de 4,3 polegadas (resolução WVGA), processador TI OMAP 3630, 512 MB de RAM, câmera traseira de 5 MP, com foco automático e flash LED (além de câmera frontal para videoconferências), WiFi b/g e bateria de 1.590 mAh.

O modelo ainda conta com case de couro fones de ouvido em um carregador para carro com suporte veicular. O Kinzo conta com a versão 2.2 do Android, sistema de navegação offline da Sygic e um aplicativo chamado TellME, que faz a “comunicação entre o usuário e a Verzo”. Seus criadores pretendem transformá-lo em um equipamento “personalizável”, oferecendo aos proprietários a possibilidade de enviar sugestões ou melhorias, que podem aparecer nos futuros telefones da empresa. Preço: US$ 460.



via Engadget

Aakash, o tablet Android de “US$ 35”, é visto em detalhes

by

Mais um vindo da Índia. O tablet Aakash aparece novamente, com seus discretos encantos e sua proposta de produto acessível para os usuários de baixa renda. A empresa decidiu apresentar as suas características desse tablet com Android Froyo, para que possamos tirar nossas primeiras impressões do produto.

O resultado geral do produto é satisfatório, levando em conta o seu preço tão reduzido, e seus objetivos no mercado. O produto conta com uma tela resistiva, e sua bateria tem autonomia de 3 horas de uso, e apesar de sua navegação lenta, ele se ajusta às principais necessidades do mercado atual, principalmente quando falamos de sua vocação para produto educacional. Abaixo, um vídeo demonstrativo do produto.

via VentureBeat

Seeser: um micro-projetor com foco automático e Android Froyo incorporado

by

Com a quantidade de micro-projetores que temos no mercado, fica difícil encontrar algum que saia da normalidade no qu se refere à configurações. Um exemplo claro disso é esse modelo apresentado pela Seeser.

Se trata de um pequeno projetor de bolso, com tecnologia laser que incorpora uma lente com foco automático, para que você não tenha que se preocupar com a distância de foco na parede de projeção. Automaticamente, são 100 polegadas a 25 lúmens e 800 x 600 píxels de resolução, que se ajustam com um foco perfeito para oferecer uma imagem nítida, sem necessidade de nenhum tipo de ajuste.

Se isso te parece pouco, sabia que em seu interior tem a versão Froyo do sistema Android, que permite a reprodução de conteúdos através do slot para cartões microSD. Um projetor autônomo dessas dimensões pode te tirar de apuros em diversas situações.

Para completar, você tem um cursor para controlar o display monocromático. E esses controles se parecem muito com aqueles utilizados pela Samsung em seus televisores. O produto estará disponível na Coreia em breve, mas sem data de lançamento ou preço divulgado.

via About Projectors

ViewSonic V430 é visto de surpresa na Rússia

by

Dificilmente será um dos modelos de destaque de 2011, mas vamos dar uma olhada nas configurações do novo smartphone da ViewSonic. O modelo V430 tem tela de 4,3 polegadas (WVGA), e foi visto de foram distraída na Rússia. O telefone conta com processador Snapdragon de 1 GHz, 512 MB de RAM, câmera frontal VGA e câmera traseira de 5 MP, WiFi, GPS, Bluetooth e três botões táteis na parte frontal.

O modelo conta com sistema Android 2.2 (Froyo), e não tem preço, ou data de comercialização revelados. Porém, imaginamos que ele vai chegar primeiro no mercado russo, para depois chegar nos demais mercados (se é que vai chegar).

via Unwired View

Tablet indiano de US$ 70 aparece com Android Froyo e ar de vaporware

by

Aqui temos um interessante tablet fabricado pela empresa indiana Bharat Electronics, que chama a atenção pelo seu baixo preço e opção de recarga de bateria pela luz solar, em casos de emergência. O produto usa Android 2.2 Froyo como sistema operacional, e se chegar ao mercado algum dia, será vendido por apenas 3.000 rupias (ou US$ 70).

Sobre suas características, quase nada é dito, ainda que se fale da “possibilidade de armazenar e subir dados em tempo real em servidor central”, o que dá uma pista que o seu armazenamento seja na nuvem, e não em um sistema de armazenamento local.

Por enquanto, o tablet é vendido ao Ministério do Desenvolvimento Rural do governo indiano, para ser usados em estudos do nível de pobreza. O executivo da Bharat, Ashwani Datt, disse que antes de colocar o produto nas mãos dos estudantes ou consumidores, eles vão precisar reconfigurar os dispositivos. O que nos faz pensar que o modelo pode ser mais um vapoware, ou seja, algo que nunca chegará ao mercado tradicional. Mais ou menos como foi com o netbook de US$ 100, lembra?

via Trak.in

DL Eletrônicos lança no Brasil o Smart Tablet, mais uma opção de tablet com Andorid 2.2

by

A DL Eletrônicos lança no Brasil o Smart Tablet, que é mais uma opção econômica para o mercado nacional. O modelo pode ser encontrado em versões de tela com 7 e 8 polegadas, memória interna de 4 GB (no modelo básico), sistema operacional Android 2.2, processador de 1.1 GHz, suporte para modems 3G, conectividade WiFi e porta RJ45, para conexões ADSL.

O Smart Tablet ainda possui duas portas USB, slot para cartões microSD de ate 32 GB, alto-falante e microfone integrados, saída para fones de ouvido, webcam, leitor de livros digitais e loja para mais de 200 mil aplicativos. Preços: R$ 699,00 (modelo de 7 polegadas), e R$ 799,00 (modelo de 8 polegadas).

via BrandPress

Pierre Cardin e o seu tablet Android diferente

by

Quem não lança um tablet nos dias de hoje? Só não faz quem não quer! Um exemplo do que estou falando é o Pierre Cardin, que deixou de lado suas criações para o mundo de alta costura para investir no mundo da tecnologia, lançando o tablet PC-7006.

O modelo possui tela de 7 polegadas, processador Samsung Cortex-A8 de 1 GHz, 512 MB de RAM, 4 GB de memória interna (com slot para cartões microSD de até 16 GB), WiFi b/g, portas USB e HDMI, reprodução de vídeos a 720p, webcam frontal, compatibilidade com vários formatos de arquivos e bateria de 4400 mAh.

O tablet cona com sistema operacional Android 2.2 (Froyo), e pesa 520 gramas. Como pode observar, é um tablet que não tem nada de fora do comum, apesar de contar com uma elegante capa de coro, e uma embalagem que certamente você não vai querer jogar no lixo. Preço: US$ 450.

via Netbook News

[Dicas de Compras] Smartphone LG Optimus Black: um Android com DLNA

by

O LG Optimus Black reúne também uma grande variedade de conexões para a sua categoria, como ‘Wi-Fi direct’, que permite a transferência de dados a outros dispositivos até 20 vezes mais rápido, e a certificação DLNA (Digital Living Network Alliance), para o compartilhamento sem fio de conteúdos multimídia com outros equipamentos eletrônicos. O novo smartphone tem ainda câmera de 5 megapixels com flash, sete opções de tela configuráveis, processador de 1GHz CPU, além de vir com três opções de capas coloridas no kit – preta, rosa e branca – para a customização do aparelho.

Especificações técnicas:

§ Sistema operacional Android 2.2 (Froyo), atualizável para 2.3
§ Display touchscreen LCD de 4” com tecnologia NOVA™
§ Tecnologia 3G (HSDPA 3.6)
§ Wi-Fi Direct
§ Smart Share DLNA
§ A-GPS com mapa e navegação por voz
§ Câmera de 5 megapixels com flash
§ Cartão de memória de 4GB incluso
§ MP3 Player e Rádio FM
§ Processador de 1GHz CPU
§ Bateria 1500 mAh
§ Medidas: 122 x 64 x 9,2 mm
§ Peso: 109g (com bateria)

 

Preço: R$ 1.499,00

[Dicas de Compras] Samsung Galaxy Tab com WiFi e Android 2.2 chega ao mercado

by

A Samsung apresenta para o mercado nacional uma versão simplificada do Samsung Galaxy Tab de 7 polegadas, que possui apenas a opção de conexão via WiFi. O lançamento tem como objetivo tentar competir com os modelos de tablets mais populares que estão chegando no mercado, além de oferecer uma alternativa mais econômica de seu produto. O modelo conta com sistema operacional Android 2.2 Froyo, Android Market, teclado Swype, câmera traseira de 3 MP com foco automático e flash LED, além de câmera frontal de 1.3 MP. Sua capacidade de armazenamento é de 16 GB (com possibilidade de expansão via cartão de memória).

Especificações Técnicas

– Tela: 7 polegadas
– Resolução: 1024×600
– Memória: 16 GB
– Conexões: Wi-Fi
– Idiomas suportados: Padrão Samsung
– Formatos Suportados: Tipo Formato;Imagem Extensão: bmp, gif, jpg, png; Vídeo; Extensão: 3gp, mp4, avi, wmv, flv, mkv; Codec: MPEG4, H.263, Sorenson H.263, H.264, VC-1, DivX/XviD; Música mp3, m4a, mp4, 3gp, 3ga, wma, ogg, oga, aac, flac. Você também pode reproduzir arquivos de música ao abrí-los da pasta Meus arquivos, MMS ou da Internet nos seguintes formatos mid, midi, xmf, rtttl, smf, imy, rtx, ota, amr, awb, wav.
– Sistema Operacional: Android 2.2
– Cartões de memória compativeis: Micro SD
– Tipo de bateria: Lions de Litio
– WAP
– Câmera Fotográfica
– Câmera Filmadora
– MP3 Player
– Expansão para cartões de memória
– Viva-voz
– Bluetooth
– Agenda telefonica
– Calendário e calculadora
– Data e Hora

Preço: R$ 999,00

 

Tablet Archos Arnova 7 é lançado, com o seu baixo preço mantido

by

O Arnova 7 deixou de ser um mistério. O modelo passou pela FCC, e se tornou oficial no mercado norte-americano. O tablet da Archos conta com tela de LCD de 7 polegadas resistiva (800 x 480) e Android 2.2 (Froyo), e chega ao mercado com o objetivo de atender aos menos favorecidos economicamente.

O modelo oferece reprodução de vídeos a 720p, 4 GB de memória interna (expansível via cartões microSDHC), interface USB 2.0, conectividade WiFi e acesso ao Android Market e ao AppsLib (a loja de aplicativos da Archos). Nâo há informações sobre o seu processador, sua memória RAM ou sua autonomia, nem sobre quando estará disponível nas prateleiras. Mas sabemos que o rumorado preço baixo se confirmou: US$ 99.

via ArnovaTech.com

Um telefone chamado Barcelona aparece na loja Orange do Reino Unido

by

Com um ar de BlackBerry um novo smartphone com nome Barcelona foi visto na loja da Orange no Reino Unido. Esse telefone, com teclado QWERTY físico chegará com Android 2.2 (Froyo), conectividade HSDPA, GPS, Orange Maps, sintonizador de rádio FM e câmera de 3.2 MP. Sua tela touch TFT mede 2,6 polegadas, e o telefone tem apenas 9,9 mm. Interessou? Pois é, por enquanto é exclusivo da Orange.

via Unwired View