Arquivo para a tag: beats

Apple compra a Beats por US$ 3 bilhões

by

650_1000_apple-beats-music

Demorou, mas se confirmou. A Beats agora é uma empresa da Apple, em uma operação com um valor total de US$ 3 bilhões. A venda foi confirmada pela própria Beats, em sua conta oficial no Twitter, além de um comunicado oficial da gigante de Cupertino, em sua página oficial na web.

A compra inclui tanto o serviço Beats Music como toda a Beats Electronics, algo que pelo o que comenta Tim Cook, tem como objetivo principal ampliar as perspectivas com tudo o que está relacionado com a música na Apple. Movimento esse que, convenhamos, é algo bem lógico.

A Beats Music agrega à loja iTunes um serviço já consolidado, mesmo ficando longe de ser um dos líderes do seu segmento de streaming, mas que será combinado com o iTunes Radio. A distância que os demais competidores está abrindo em relação à Apple nesse segmento é grande demais para que a empresa não comece a tomar medidas para tentar refrear esse crescimento.

Por outro lado, a Beats Electronics abre a porta para uma linha de acessórios e produtos de hardware musicais no catálogo da Apple. Não podemos nos esquecer que, muito além da qualidade sonora, a Beats é uma marca consolidada nas vendas, e é líder nos Estados Unidos, totalmente alinhada a um segmento jovem e premium, algo que é muito interessante para a Apple (já que se alinha muito bem à sua filosofia de trabalho).

Os co-fundadores da Beats, o produtor musical Jimmy Iovine e o rapper Dr. Dre passam a fazer parte do grupo de funcionários da Apple – isso faz parte do acordo -, que inclui a manutenção da marca Beats.

Via Apple, @BeatsByDre

Compra da Beats pela Apple segue em negociações, mas o valor da transação caiu

by

Apple-Beats-Compra

No começo do mês de maio, diversos veículos especializados relataram a venda da Beats para a Apple, no valor de US$ 3.2 bilhões. Porém, nem o anúncio oficial da compra foi feito, e o assunto “morreu” nos últimos dias. Pois bem, o New York Post revela hoje (28) que fontes internas da Apple indicam que as negociações entre as duas empresas continuam, e quando os primeiros rumores surgiram, estavam em fase inicial de negociação, e o preço ainda não estava definido.

Com o vazamento das informações dos últimos dias, que revelaram que a Beats Music só conta com 110 mil usuários (apenas para comparação: o Spotify possui aproximadamente 50 milhões de usuários), a Apple voltou a analisar o preço a pagar na compra. Mas tudo parece indicar que o preço não vai cair muito, e a Apple estaria disposta a pagar US$ 3 bilhões.

O motivo pelo qual a Apple estaria comprando a Beats ainda é uma incógnita. Mas já podemos dizer que Dr. Dre ainda tem muito o que comemorar. Afinal, tem tudo para ser “um rapper multimilionário”.

Via New York Post

A Apple “deu um tempo” na compra da Beats?

by

Apple-Beats-Compra

Foi especulado que na semana passada a Apple tornaria oficial a compra da Beats, empresa especializada em produtos de áudio, principalmente os seus mundialmente reconhecidos fones de ouvido. Porém, o silêncio imperou pelos lados de Cupertino.

Ao que parece, a negociação entre a Apple e a Beats ainda continuam, mas os executivos liderados por Tim Cook parecem ter freado a liberação do dinheiro (ou estão esperando a WWDC 2014 para tornar a compra pública), e a seguir, temos algumas razões para a Apple fazer isso, de acordo com confissões feitas por fontes próximas ao assunto para a revista Billboard.

1. “É complicado…”

A compra da Beats seria a mais cara da história da Apple, e a primeira grande compra na era pós Jobs (ou era Tim Cook), em quase três anos. Ainda que o valor de US$ 3.2 bilhões pareça ser valor de cafezinho para uma empresa como a Apple, na prática, as coisas não são tão simples.

2. A notícia foi revelada antes do tempo

Ao que tudo indica, a notícia vazou muito tempo antes do previsto. A Apple planejava anunciar a compra da Beats durante a semana passada, mas a empresa segue estudando os motivos pelos quais estão desembolsando tanto dinheiro nessa transação.

3. O vídeo do Dr. Dre com o Tyrese

Depois que a notícia da compra vazou no dia 8 de maio, um vídeo peculiar começou a aparecer nas redes sociais. No vídeo, era possível ver Dr. Dre (um dos fundadores da Beats) e o rapper Tyrese, duas personalidades da indústria musical, comemorando o fato de Dre se tornar “o primeiro rapper multimilionário”. Tal manifestação, para uma empresa tão reservada como a Apple, resulta em tensões diversas para uma negociação que, segundo as fontes da Billboard, ainda não estava concretizada.

4. Quais os benefícios que os executivos da Beats trariam para a Apple?

Segundo as fontes, depois do vídeo cair na internet, a situação foi profundamente analisada pelos executivos da Apple, e eles começaram a se questionar se Jimmy Iovine e Dr. Dre preenchiam o perfil para serem executivos da Apple em tempo integral, ou se eles poderiam contribuir melhor como consultores externos.

5. O que a Apple realmente quer comprar?

Se levarmos em conta os rumores, a Apple pagaria US$ 3.2 bilhões pela Beats Electronics, uma empresa que engloba vários serviços e produtos. Mas tudo indica que a gigante de Cupertino está interessada única e exclusivamente na compra da Beats Music, o serviço de músicas por streaming que daria a força necessária para engrenar a iTunes Radio. Porém, o Beats Music tem apenas 200 mil usuários, o que coloca em dúvida se a quantia de dinheiro paga vale a pena. Alguns avaliam esse serviço em apenas US$ 200 milhões.

Via Billboard

Os laços entre a Apple e Beats Audio existem desde a era do iPod

by

jobs-u2

A notícia da possível compra da Beats por parte da Apple surpreendeu a muitos ao redor do planeta. A compra ainda está por ser confirmada oficialmente, mas tudo indica que é só uma questão de tempo. A decisão pode parecer estranha, mas não é. Os laços entre os diretores da Apple e os fundadores da Beats vem da época que Steve Jobs ainda era CEO da empresa, do iPod, e do lançamento do iTunes.

A imagem acima foi registrada em 26 de outubro de 2004, dia do lançamento do iPod de 4ª geração. Jobs aproveitou para apresentar o iPod (RED), onde parte das vendas eram destinadas à luta contra a AIDS, a tuberculose e a malária. O lançamento aconteceu em parceria com a banda U2 (na imagem, Bono e The Edge), que estão acompanhados na foto com o produtor Jimmy Iovine, que hoje é presidente da gravadora Geffen A&M Records. Quatro anos depois, Iovine fundaria a Beats, ao lado do rapper Dr. Dre.

A Bloomberg publicou um artigo explicando como Apple e Beats podem acabar juntas. Steve Jobs e Jimmy Iovine se conheciam pelo menos desde 2000. Essa relação foi forjada por diversas conversas que Apple e Jobs teve com as gravadoras e produtoras para levantar o seu império musical em torno do iTunes e do iPod.

Iovine foi (e ainda é) um dos gurus da indústria musical. Ajudou a criar (por exemplo) alguns dos principais trabalhos de Bruce Springsteen e 50 Cent, além de co-produzir o filme 8 Mile. É, de longe, um dos grandes entusiastas do iTunes desde o seu princípio.

Como observa a Bloomberg, Jobs chegou a fazer para Iovine uma demonstração pessoal de como funcionava a iTunes Store antes do seu lançamento oficial em 2003. O produtor ajudou Jobs e a Apple a convencer as demais gravadoras que o iTunes era o caminho a seguir, para evitar a pirataria e rentabilizar o mundo da música digital

dre-iovine

Mais de uma década depois dessa amizade entre Jobs e Iovine resultar no sucesso do iTunes e do iPod, a Apple e a Beats podem fechar um acordo multimilionário, onde Iovine provavelmente deve assumir um cargo chave na diretoria da Apple. O objetivo exato da operação ainda está por vir, mas tudo aponta para uma combinação de hardware e software.

Mas algo está bem claro: a compra não é fruto da mera casualidade.

Via Bloomberg

Estaria o fundador da Beats Audio comemorando a venda da empresa para a Apple? (em vídeo)

by

dr-dre-beats

O negócio ainda não foi anunciado oficialmente, mas um vídeo publicado no Facebook (já retirado) pelo ator Tyresse Gibson (o da esquerda) junto com o fundador da Beats Audio, Dr. Dre (o da direita), poderia confirmar a venda da empresa para a Apple.

No texto publicado no Facebook, Tyrese disse: “como acabei no estúdio com Dr. Dre na noite que foi anunciado o acordo com a Apple de US$ 3.2 bilhões. Os fones Beats acabam de mudar o Hip Hop!!”.

De novo: temos que esperar o anúncio oficial, mas ao que tudo indica, Dr. Dre já está comemorando. Vídeo a seguir.

 

Via YouTube

Rumor: Apple estaria finalizando a compra da Beats Audio por US$ 3.2 bilhões

by

2011-04-20-colorwarebeats.jpg

Matérias recém publicadas pelo Financial Times e pela Bloomberg garantem que a Apple está fechando os últimos detalhes da compra da Beats Audio, especializada em fones de ouvido e acessórios de áudio. O valor estimado da compra é de US$ 3.2 bilhões.

Se confirmada a notícia, a operação será anunciada oficialmente na semana que vem. A compra da Beats é uma manobra considerada (de certo modo) estranha, se pensarmos na sua divisão de hardware. Apesar de muito populares nos Estados Unidos, os fones da empresa são descritos pelos amantes da alta fidelidade de áudio mais como um acessório da moda do que como um dispositivo de áudio a ser levado a sério.

Mas o motivo da compra poderia ser outro. A Beats é proprietária de várias patentes relacionadas ao universo do som e da música, que foram adquiridas pouco depois de sua fundação, sem falar de um bem sucedido serviço de streaming de músicas, que está muito bem posicionado em uma acirrada competição com o Spotify no mercado norte-americano. O serviço pode ser a pedra angular que a Apple precisa para impulsionar de forma definitiva o iTunes Radio.

Outra possível explicação para a compra é que a Apple quer absorver a TopSpin Media, a plataforma de marketing e comércio eletrônico que a Beats é proprietária.

Seja qual for o motivo, devemos descobrir em breve os reais objetivos dessa transação.

Via Financial Times, Bloomberg

Dicas de Compras | Fone de Ouvido On Ear Solo HD – Sour Apple – Beats by Dr Dre

by

fone-ear-solo-Beats by Dr Dre

Oferta com tempo limitado para a data indicada no título desse post (ou enquanto durarem os estoques do e-commerce).

O Fone de Ouvido On Ear Solo HD – Sour Apple – Beats by Dr Dre está com o preço sugerido de R$ 699, para pagamento via cartão de crédito, com parcelamento em até 12 vezes sem juros.

Para comprar esse produto no TargetHD, clique no banner no final do post (ou nas imagens que ilustram essa publicação).

04-botao-clique037-180.jpg

Beats encerra a sua parceria com a HTC, comprando sua parte das ações

by

beats-htc

Os rumores se confirmaram. A HTC anunciou oficialmente que a Beats Electronics adquiriu os 25% restantes das ações que o fabricante de dispositivos móveis mantinham na empresa, com um valor de US$ 265 milhões, dando por finalizada desta forma um acordo que durou dois anos, mas que na prática, nunca funcionou de forma efetiva.

É um final ruim de uma parceria que nunca foi na prática o que as duas empresas sonharam na teoria. A HTC não teve a visibilidade que queria junto ao mercado mobile, contando com um suposto diferencial sonoro que pudesse chamar a atenção dos usuários. A Beats, por sua parte, entrou em uma estratégia de expansão internacional, ampliando a sua linha de produtos, sem se limitar exclusivamente aos fones de ouvido. Eles chegaram a lançar produtos como alto-falantes, além de adentrar no mercado de músicas por streaming.

Porém, mesmo com o fim da parceria, as duas empresas não deixam de ter relações comerciais, e a HTC já afirmou que a Beats segue sendo um importante aliado para projetos futuros da empresa.

Via Nasdaq.com

[Dicas de Compras] Fone de Ouvido On Ear Solo HD Beats by Dr Dre, de R$ 1.099 por R$ 646 (por tempo limitado)

by

111939580_1GG

Outro produto que está com uma forte redução de preço (por tempo limitado) é o fone de ouvido On Ear Solo HD – Beats By Dr Dre. O modelo conta com microfone integrado no cabo, acabamento de alta qualidade, compatibilidade de portas P2 e estrutura dobrável, para facilitar o transporte. Para compras através desse post, o valor do produto é de R$ 646, com pagamento via cartão de crédito, podendo parcelar esse valor em até 12 vezes sem juros. Caso o pagamento seja feito no boleto bancário, o valor do produto cai para R$ 569. Lembrando que o preço sugerido para esses fones é superior a R$ 1.000.

111939580_2GG 111939580_3GG 111939580_4GG 111939580_5GG

04-botao-clique037-180.jpg

[Dicas de Compras] Tablet HP Slate 7

by

hp-slate-7-01

O tablet HP Slate 7 é o primeiro do fabricante tradicionalmente conhecido pelas suas soluções para impressão. Chega ao mercado brasileiro com o objetivo de ser mais uma opção de tablet Android com preço competitivo e especificações técnicas básicas para atender as necessidades da maioria dos usuários. Como diferencial, aposta na construção do produto de elevada qualidade e um áudio diferenciado, oferecido pela BeatsAudio.

O HP Slate 7 (versão 2800) possui as seguintes configurações: sistema operacional Android 4.1 Jelly Bean, processador dual-core ARM Cortex-A9 de 1.6 GHz, 1 GB de RAM, tela de 7 polegadas (1024 x 600 pixels), 8 GB de armazenamento (expansíveis via slot para cartões microSD), câmera traseira de 3 megapixels, câmera frontal VGA e conectividade Wi-Fi.

hp-slate-7-02

Como já foi citado, os principais diferenciais do HP Slate 7 para os seus concorrentes são a presença da tecnologia de áudio da BeatsAudio, que promete um som mais potente e rico, mesmo para um dispositivo móvel, além da qualidade dos materiais empregados na sua construção e acabamento, como a tampa traseira emborrachada e os cantos arredondados.

É uma opção de compra muito interessante por dois motivos. Primeiro, por ser um produto de uma fabricante mundialmente conhecida (HP). Segundo, por ajudar a estabelecer um preço considerado “padrão” para os modelos de linha baixa/média (R$ 700), estimulando que outros fabricantes trabalhem com essa margem de valor. Levando em consideração que esse é um preço considerado razoável a se pagar por um tablet com as suas características, o HP Slate 7 pode ser o modelo a ser escolhido, principalmente entre aqueles que só buscam um tablet para atividades mais básicas.

hp-slate-7-03 hp-slate-7-04 hp-slate-7-00

Preço: R$ 699,00

04-botao-clique037-180.jpg

Beats Electronics considera romper o seu acordo de parceria com a HTC

by

ageddre.jpg.pagespeed.ce.RtCHSdz02C

A relação entre HTC e Beats Electronics, apesar de ter sido turbulenta em algumas ocasiões, vai de vendo em popa (da perspectiva do usuário, é claro). Porém, isso não deve durar por muito tempo. É o que informa o sempre bem informado Wall Street Journal.

O jornal afirma que fontes envolvidas sobre o assunto revelam que a Beats estaria planejando comprar da HTC a sua parte de ações na empresa, e desse modo, encerrar a parceria com o fabricante de dispositivos móveis. Essa notícia chega depois de vários meses do vazamento da informação que o acordo entre as duas empresas não passava pelos seus melhores momentos. Logo, o fim da parceria não chega a ser uma grande surpresa.

Segundo informa diversos analistas, o acordo não parece resultar em efeitos positivos para nenhum dos dois lados, de modo que a opção mais lógica seria mesmo a ruptura da parceria. As duas empresas foram consultadas pelo WSJ, mas como é de praxe nessas situações, as duas empresas não comentam o assunto.

O que vai acontecer a partir de agora? Só o tempo vai dizer.

Via Wall Street Journal

Tablet HP Slate 7 é anunciado oficialmente

by

A Mobile World Congress 2013 segue em Barcelona, e as novidades não param de ser anunciadas. A HP também surpreendeu (em partes) com o anúncio do HP Slate 7, que entra para a história da empresa por ser o seu primeiro tablet com o sistema operacional Android.

O HP Slate 7 é um leve e compacto tablet com tela de 7 polegadas (1024 x 600) que entra na disputa dos modelos com tela compacta e preço acessível, tal como o Nexus 7 e o Kindle Fire fazem hoje. O lançamento da HP conta com o sistema operacional Android 4.1 Jelly Bean, processador ARM Cortex A9 dual-core de 1.6 Ghz, 1 GB de RAM, armazenamento interno de 8 GB (expansíveis via slot para cartões microSD) câmeras frontal e traseira, áudio da Beats, entre outros recursos.

O HP Slate 7 ainda conta com conectividade Wi-Fi b/g/n, Bluetooth 2.1 câmera traseira de 3 megapixels, câmera dianteira com resolução VGA, peso de 368 gramas e 10.7 mm de espessura. Não conta com GPS ou NFC, mas também não podemos esperar muito mais do que ele já está oferecendo. Afinal de contas, estamos colocando nesse produto um equilíbrio entre desempenho, recursos e baixo preço.

A HP pode se dar bem nos Estados Unidos com esse modelo, uma vez que ele custará US$ 169, um valor muito competitivo para aquilo que está oferecendo, e com as possibilidades que ele promete. Sua chegada ao mercado está prometida para o mês de abril de 2013.

Via Engadget

HP Envy 27, um monitor com sistema de som Beats Audio #CES2013

by

As apresentações mais importantes de CES 2013 começam a aparecer. A HP anuncia o Envy 27, um monitor de 27 polegadas com som da Beats Audio.

O HP Envy 287 apresenta um design elegante, porém, consistente. Sua tela de 27 polegadas IPS possui uma resolução de 1080p. Mas o principal apelo desse monitor é a presença do sistema de som da Beats Audio, dando uma ênfase para a parte sonora, algo que não é comum em monitores. Uma das principais características desse sistema de áudio é que ele se centra em uma barra inferior, onde se encontram integrados os alto-falantes.

Essa barra conta com uma leve inclinação para melhorar a experiência de som. Nesta zona também se encontra a conexão de fones de ouvido, subwoofer e saída digital de áudio.

O monitor HP Envy 27 estará disponível no mercado norte-americano no começo do mês de fevereiro, com preço sugerido de US$ 500.

Via Gizmologia

HTC One X+ aparece de surpresa na web, revelando alguns de seus detalhes

by

Já tinham sido reveladas anteriormente as surpreendentes especificações do suposto HTC One X+, mas ninguém tinha visto a sua aparência. E parece que o pessoal do Pocket-Lint resolveu atender as nossas curiosidades, uma vez que eles conseguiram algumas imagens do terminal, onde podemos finalmente conhecer como é a sua aparência.

Infelizmente, as imagens não chegam com suas especificações técnicas oficiais, mas levando em conta a grande semelhança que o modelo possui com o HTC One X, podemos dizer com quase 100% de certeza que o novo smartphone vai contar com uma tela de 4.7 polegadas. O responsável pelas fotos confirma que sua carcaça é fabricada em policarbonato, e se olharmos com atenção para a sua parte traseira, podemos identificar a logomarca da Beats, e os contatos para conectar um dock multimídia.

Por enquanto, não há mais detalhes a serem revelados sobre o produto, de modo que a única coisa que temos para mostrar para você é mesmo a foto do modelo. Qualquer novidade sobre o produto, publicaremos aqui no blog.

Via Pocket-Lint

HTC 8X, com Windows Phone 8, é anunciado oficialmente: tela com 720p de 4.3 poelgadas e S4 dual-core

by

A HTC anunciou hoje (19) suas novidades no mercado internacional de smartphones, com dois novos modelos gerenciados pelo Windows Phone 8. O primeiro deles você conhece agora, e responde pelo nome de HTC 8X, ou HTC Windows Phone 8X.

O smartphone é em formato monolítico, e conta com características bem interessantes para agradar aos fãs do sistema operacional móvel da Microsoft: tela Super LCD 2 de 4.3 polegadas (1280 x 720) com Gorila Glass 2, processador Snapdragon S4 dual-core de 1.5 GHz, 1 GB de RAM, 16 GB de armazenamento interno, WiFi a/g/b/n, NFC, bateria de 1.800 mAh e suporte para conexões GSM/GRPS/EDGE, HSPA/WCDMA (850 – 2100 MHz) e LTE.

Pelas suas características técnicas, o HTC 8X pode ser considerado um modelo com Windows Phone 8 “intermediário”, ficando entre o Nokia Lumia 820 e o Nokia Lumia 920, mas o modelo da fabricante taiwanesa se diferencia dos seus rivais finlandeses graças ao pacote de características próprias, como o som Beats Audio (com um amplificador especial) e tecnologia ImageChip.

Falando um pouco do seu conjunto fotográfico, a HTC integrou um sensor frontal panorâmico de 2.1 megapixels, e uma câmera traseira com abertura f/2.0 de 8 megapixels, com flash LED de um único diodo. As duas câmeras podem capturar vídeos a 1080p.

Dito isso, e tal como aconteceu com os novos modelos Lumia da Nokia, a HTC não está disposta a informar todos os detalhes comerciais do seus novos telefones com Windows Phone 8, uma vez que a Microsoft ainda vai dar a sua festa oficial de apresentação dos sistema até o final de outubro. Depois disso é que os detalhes finais serão revelados.

O HTC 8X deve chegar ao mercado internacional em novembro, em 50 países onde as principais operadoras parceiras da fabricante estão presentes. A AT&T norte-americana, por exemplo, pretende oferecer o produto pelo preço de US$ 199 (com contrato). Vale lembrar que, no Brasil, ele JAMAIS SERÁ LANÇADO, uma vez que a fabricante decidiu abandonar o país.

Via Engadget