Compartilhe

O Android é o sistema operacional mais popular do mundo. Logo, a maioria das ameaças de hackers e cibercriminosos é voltada para essa massa de usuários. E uma nova ameaça para o sistema operacional do Google aparece rapidamente na internet.

Logo, as preocupações não são exageradas. E para evitar futuras dores de cabeça, algumas medidas podem ser tomadas agora. A primeira e a mais importante é ter consciência sobre as boas práticas e precauções no uso do smartphone (aka BOM SENSO). A segunda é instalar um antivírus no dispositivo, da mesma forma que você tem no seu computador tradicional.

Porém, os antivírus para Android são tão úteis e imprescindíveis assim? Vamos contar tudo o que você precisa saber sobre esse tema nesse post.

 

 

O Android é seguro?

 

 

Não dá para dizer que sim em 100%. A cada mês são descobertas novas vulnerabilidades, deixando brechas para invasões. Mas isso não quer dizer que um telefone Android é um produto de risco. É uma ideia bem falsa.
O ideal é ter a máxima precaução para não cair em golpes, atualizar o dispositivo com as correções enviadas pelo fabricante e evitar realizar o download de arquivos e aplicativos de fontes suspeitas.

A maioria dos fabricantes apresentam atualizações mensais, que entregam as últimas soluções de segurança vigentes. O Google oferece updates do sistema operacional por dois anos (três no máximo), o que também ajuda a proteger o usuário de ameaças.

Por outro lado, o Google também está protegendo os usuários da loja de aplicativos Play Store, já que em mais de uma oportunidade apps maliciosos foram encontrados na mesma. O Google Play Protect se encarrega de escanear os aplicativos instalados.

Em resumo: a segurança dos usuários do Android está garantida, exceto quando o próprio usuário se coloca em risco com condutas inadequadas. Logo, a instalação do antivírus depende (e muito) da necessidade e decisão dos próprios usuários.

 

 

Quais tipos de antivírus existem para smartphones Android?

 

 

Não é recomendado ter um computador conectado na internet sem proteção, e um smartphone é um computador em miniatura. Nos últimos anos, apareceram várias soluções (algumas gratuitas) para oferecer uma maior segurança aos telefones.

Obviamente, existem as diferentes soluções pagas, desenvolvidas pelas principais empresas de segurança que criam antivírus para computadores pessoais. São soluções com pagamento anual e incluem serviços complementários, como analisadores de malwares, controle extra para aplicativos, sistemas de localização ou controle dos pais para os conteúdos que as crianças podem acessar.

Os antivírus podem funcionar como uma camada extra de segurança, que está sempre atualizada contra ameaças de malware e entregando as funções complementares que mencionamos antes.

 

 

Jamais baixe a guarda

 

 

Ter um antivírus instalado não quer dizer que você pode ficar tranquilo. Um dos segredos para manter o seu smartphone Android em perfeito estado é ser cauteloso com o uso. Recomendamos o seguinte:

– Evite navegar em páginas suspeitas
– Não faça o download de arquivos com procedência desconhecida
– Não clique em links suspeitos ou de promoções/sorteiros pouco críveis
– Não faça downloads de sites não oficiais
– Instale as atualizações de segurança o quanto antes possível


Compartilhe