Buscador do Google no desktop adota a sua roupagem mobile

Compartilhe

Se você é um usuário do buscador do Google (tudo indica que sim), já viu que a forma em que os resultados são exibidos mudaram de uns dias para cá. Isso aconteceu porque o estilo de apresentação dos resultados do mobile chegou ao desktop.

Ou seja, temos agora uma reorganização sensível na apresentação dos resultados, com o objetivo de ajudar as pessoas para encontrar de forma rápida e fácil a informação que elas procuram.

 

 

O que vale para o smartphone agora vale para o computador

Mesmo com as opiniões contrárias, o Google decidiu unificar as plataformas na exibição dos resultados. Porém, mesmo que essas mudanças sejam menores, elas pesam para quem usa o buscador todos os dias.

São três mudanças específicas: os resultados aparecem com o ícone do site, com a URL se posicionando acima do nome. Já os resultados patrocinados recebem uma etiqueta identificadora.

O formato coloca a marca do site em primeiro plano, identificando melhor de onde vem a informação, escanear resultados de forma mais fácil e ajudando na decisão do usuário sobre qual conteúdo explorar. E para quem não gostar disso, a resposta oficial do Google é: “é o que temos para hoje, e aceita que dói menos”.

 

 

É o Google que não dá ponto sem nó!

No final das contas, ou você se acostuma com a nova aparência do buscador do Google, ou começa a correr atrás de alternativas. E, desde já, avisamos que não existe uma alternativa melhor do que essa, mas temos alternativas boas o suficiente para você ao menos dar uma chance e decidir com consciência.

Em outro assunto não relacionado, o Google anunciou também a chegada de buscadores alternativos ao Android, no estilo Ballot Screen do Windows, para tentar evitar questões legais de monopólio. Você pode utilizar uma dessas alternativas para substituir o buscador do Google. Porém, essa “concorrência” está pagando para estar no Android.

De novo: o Google não dá ponto sem nó!


Compartilhe