Biohacker processa governo australiano por desativarem seu chip corporal utilizado como cartão de transporte | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Biohacker processa governo australiano por desativarem seu chip corporal utilizado como cartão de transporte | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | Biohacker processa governo australiano por desativarem seu chip corporal utilizado como cartão de transporte

Biohacker processa governo australiano por desativarem seu chip corporal utilizado como cartão de transporte

Compartilhe

Parece enredo de filme.

Em linhas gerais, o biohacking consiste em implantar chips no corpo com o objetivo de ajudar as pessoas nas tarefas diárias. Agora, um biohacker está processando as autoridades de transporte na Austrália por desativar o chip implantado em uma de suas mãos, que era utilizado no dia a dia, no transporte público.

O biohacker Meow-Ludo Disco Gamma Meow-Meow (sim… esse é o nome legal do cara…) está processando as autoridades australianas, e pede que o chip seja reativado, já que era o seu cartão de transporte público em Nova Gales do Sul.

A BioFoundry de Sydney é encarregada de realizar implantes e buscar situações para utilizar a tecnologia através do corpo humano. Em abril de 2017, o biohacker removeu o chip do seu cartão de transporte, o envolveu em plástico e o implantou na sua mão esquerda.

 

 

As autoridades locais ficaram sabendo disso, e ameaçaram cancelar o chip, alegando que os cartões de transporte não poderiam ser manipulados. Dez meses depois, as ameaças foram cumpridas, com o amparo da lei. Mesmo porque o cartão de transporte de Meow-Meow não estava em seu nome.

As autoridades alegam que não são contrários ao implante, mas o demandante afirma que o motivo do cancelamento foi derivada dessa ação. Agora, ele não apenas busca a reativação, mas também quer criar um marco legal em torno do biohacking.

Nesse momento, os advogados do caso estão confusos sobre como atuar. É um cenário inédito, que procrastina por vários anos nas vias legais.

Já Meow-Meow tem outros dois implantes, um deles com todos os seus documentos importantes. Para ele, esse será o futuro da tecnologia e segurança dos dados pessoais.

 

Via The Outline


Compartilhe