Xiaomi Redmi Note 9 é oficial

Compartilhe

O Xiaomi Redmi Note 9 foi anunciado oficialmente. A nova geração de smartphones de linha média da Xiaomi para 2020 vem com o Redmi Note 9 Pro (falo dele daqui a pouco), e tenta mais uma vez se posicionar como um dos intermediários mais vendidos por causa de sua convidativa relação custo-benefício.

Bateria gigantesca, quatro câmeras, tela com furo de câmera, processador MediaTek e outros atributos tentam convencer os usuários. Não é o telefone de linha média mais completo nesse momento, mas tem bons argumentos para ser considerado como uma alternativa para muita gente.

Bom, vamos conhecer as suas principais características.

 

 

 

Tela de 6.53 polegadas e leitor de digitais na parte traseira

 

 

O Xiaomi Redmi Note 9 conta com uma tela IPS de 6.53 polegadas (FullHD+), com certificação TÜV Rheinland de redução da luz azul e nível de brilho de 450 nits. Sua espessura é de 8.9 mm e seu peso é de 199 gramas. Não é um telefone leve, mas isso se explica por causa da bateria que incorpora em seu interior (falo sobre isso daqui a pouco).

O modelo recebe o leitor de digitais físico na parte traseira, abaixo do módulo para as câmeras. Seu design tem revestimento traseiro com Gorilla Glass 5 e efeitos de cores em degradê. As quatro câmeras estão em um retângulo central, levemente sobressaltadas do seu corpo.

 

 

 

Processador MediaTek Helio G85 e 5.020 mAh de bateria

 

 

O Xiaomi Redmi Note 9 recebe o processador MediaTek Helio G85 octa-core a 2.0 GHz, com fabricação em 12 nanômetros e trabalhando com uma GPU ARM Mali G52. É um processador pensado nos games que acaba de estrear, e a MediaTek promete um desempenho 21% melhor do que o Qualcomm Snapdragon 665.

O modelo conta com versões de 3 GB e 4 GB de RAM e 64 GB e 128 GB de armazenamento (expansíveis via microSD de até 512 GB). Mas o principal destaque do Xiaomi Redmi Note 9 é mesmo a sua bateria.

Temos generosos 5.020 mAh, com modo de recarga rápida de 18W (mas o carregador que está incluso no kit de venda suporta até 22.5W). Para completar, o modelo recebe o NFC, conector para fones de ouvido de 3.5 mm e infravermelho.

 

 

 

Quatro câmeras e até 48 MP

 

 

Na parte fotográfica, o Xiaomi Redmi Note 9 conta com quatro câmeras, na configuração a seguir:

Sensor de 48 megapixels com lente 6P com abertura f/1.79 e AF.
Sensor de 8 megapixels com lente ultra grande angular com abertura f/2.2 e campo de 118 graus.
Sensor de 2 megapixels com lente macro (2 cm – 10 cm)
Sensor de 2 megapixels para análise de profundidade.

Por fim, a câmera frontal conta com 13 megapixels (f/2.25).

 

 

 

Xiaomi Redmi Note 9: versões e preços

 

 

O novo Xiaomi Redmi Note 9 chega ao mercado no meio de maio, com preço inicial sugerido de US$ 199, que vai para US$ 249 nas versões com maior capacidade de armazenamento. Não há informações sobre o lançamento do produto para o mercado brasileiro ou o seu preço, e quando isso acontecer, atualizaremos o blog com uma nova publicação.

Olhando de longe, o Xiaomi Redmi Note 9 tem tudo para chamar a atenção de muita gente. Especialmente daqueles que não estão priorizando ter um telefone com chip da Qualcomm nesse momento.


Compartilhe