Wetten.com Brasil Apostas
Home » Análises e Reviews » Xiaomi Mi Band 5 vs OnePlus Band

Xiaomi Mi Band 5 vs OnePlus Band

Compartilhe

Uma é fácil de ser encontrada no Brasil. A outra, apenas pela importação. Porém, as duas são bem atraentes para muitos usuários. Xiaomi Mi Band 5 e OnePlus Band entraram no nosso radar, e são duas das pulseiras inteligentes mais cobiçadas pelos brasileiros.

Por isso, vale a pena apresentar neste post as principais diferenças que esses produtos apresentam, e o que eles podem oferecer para os usuários. Quem sabe você pode identificar qual delas se aproxima mais do seu perfil de uso.

 

 

 

Xiaomi Mi Band 5 vs OnePlus Band: similaridades e diferenças

 

O design das pulseiras é muito similar: uma peça em forma de cápsula, que abriga o display e todos os componentes quantificadores, e uma pulseira de silicone em peça única (que pode ser substituída por pulseiras com outros materiais).

A OnePlus Band consegue ser um pouco menor que a Mi Band 5, mesmo contando com o mesmo tamanho de tela e resolução (1.1 polegadas, 126 x 294 pixels), com a diferença de contar com uma tela OLED, enquanto que a pulseira da Xiaomi recebe uma tela AMOLED.

São pulseiras com telas coloridas e muito brilho para uma melhor visualização das informações mesmo em condições de elevada luminosidade. E isso é o mínimo que se pede de qualquer pulseira esportiva decente.

As diferenças mais perceptíveis entre as duas smartbands estão nas configurações internas de cada produto. A OnePlus Band conta com mais modos esportivos a serem quantificados, mas os dois produtos recebem pacotes de sensores que são quase idênticos, com um acelerômetro de três eixos e medidor de frequência cardíaca.

Uma vantagem exclusiva da OnePlus Band é a presença do medidor de saturação do oxigênio no sangue (SpO2), um item que está ficando muito popular em dispositivos voltados para a saúde e monitoramento do exercício físico. Com ele, você pode saber com qual velocidade o seu corpo está se recuperando após um determinado exercício físico, por exemplo.

A OnePlus Band também tem uma bateria maior (125 mAh), que oferece uma autonomia de até 14 dias de uso. Já a Mi Band 5 tem uma bateria de 100 mAh, entregando no máximo 10 dias de uso. Considere aqui que a autonomia de uma pulseira inteligente pode variar (e muito) de acordo com o tipo de uso que você dá ao dispositivo.

Além disso, a pulseira da OnePlus usa uma porta USB para recarga de bateria, enquanto que a Mi Band 5 optou por um conector magnético par a mesma tarefa.

Nenhuma das duas pulseiras conta com as tecnologias NFC e GPS, mas a Mi Band 5 conta com NFC para pagamentos (na versão chinesa, que nunca será funcional por aqui). Além disso, a pulseira da Xiaomi pode monitorizar pontos importantes para muitos usuários, como os níveis de estresse e o ciclo menstrual. E esses são sim diferenciais relevantes deste produto.

 

 

 

Xiaomi Mi Band 5 vs OnePlus Band: qual devo comprar?

 

Essas são as principais diferenças técnicas entre os dois produtos. Fora isso, grande diferença entre eles está na sua disponibilidade.

A Mi Band 5 é muito mais fácil de ser encontrada, enquanto que a OnePlus Band acabou de chegar ao mercado e vai demorar para desembarcar em outros países. E, até lá, a Mi Band 6 já pode ser uma realidade.

A OnePlus Band é mais barata que a Xiaomi Mi Band 5, e tende a oferecer um pouco mais quando olhamos para as suas especificações técnicas. Mas isso não invalida a Mi Band 5, que é uma ótima pulseira.

Logo, a escolha vai depender exclusivamente de você e dos seus objetivos com o produto.

Se você quer mesmo a proposta mais barata e mais completa no monitoramento de atividades e uma maior autonomia de bateria, vai atrás da OnePlus Band (mesmo correndo o risco que ela chegue por aqui mais cara que a concorrente).

Agora, se você só quer monitorar as principais atividades físicas, ter o SpO2, controlar o estresse e o ciclo menstrual e apostar na proposta mais popular aqui no Brasil, a Mi Band 5 é a sua escolha, de forma quase inevitável.


Compartilhe