A Xiaomi voltou a surpreender ao anunciar que, junto com o Xiaomi Mi 9, teremos o Xiaomi Mi 9 Explorer Edition em edição especial, com carcaça transparente e 12 GB de RAM.

O Xiaomi Mi 9 será apresentado oficialmente no dia 20 de fevereiro na China, e em 24 de fevereiro na abertura da Mobile World Congress 2019 de Barcelona. Mas a marca não pode esperar, e segue oferecendo informações sobre os seus futuros telefones. Não apenas a quantidade de RAM da versão Explorer Edition foi revelada, mas também que o modelo vai receber nome próprio: Alita: Battle Angel, nome do filme que vai estrear nos cinemas chineses nessa semana.

 

 

Mais RAM e câmera melhor que a do Xiaomi Mi 9

 

 

Foi Lei Jun, fundador da Xiaomi, que compartilhou na Weibo a existência do Xiaomi Mi 9 Explorer Edition. Sua principal diferença em relação ao modelo padrão é a traseira transparente e o nome próprio.

A RAM é outro diferencial. Enquanto o Xiaomi Mi 9 contará com 6 GB, 8 GB e 10 GB de RAM, a edição especial chega com 12 GB de RAM. Também são detectadas melhorias em relação ao padrão fotográfico, onde a Explorer Edition recebe uma câmera traseira principal de 48 MP 7P (f/1.47), no lugar do sensor de 48 MP 6P (f/1.75) do Mi 9.

Por fim, o último diferencial do Xiaomi Mi 9 Explorer Edition está na presença do quarto sensor traseiro. Além do sensor principal de 48 MP já melhorado, também encontramos outros dois sensores de 12 MP e um sensor TOF 3D para leitura de profundidade. O quarto sensor é de uma lente periscópica. O flash Dual Tone LED acompanha todos os sensores.

 

 

Se confirmados os rumores, o Xiaomi Mi 9 Explorer Edition contará com uma bateria de 3.500 mAh com recarga rápida de 27W, e vai receber a MIUI 10.0.1.1 atuando sobre o Android 9 Pie. Seu preço especulado é de 880 euros, o que torna esse modelo um verdadeiro pesadelo para o Samsung Galaxy S10+ cerâmica com o mesmo Snapdragon 855 e 12 GB de RAM.

A conferir. Dia 20 de fevereiro será intenso.

 

 

Via XDA-Developers