Windows 10 tem um claro problema de fragmentação | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Windows 10 tem um claro problema de fragmentação | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | Windows 10 tem um claro problema de fragmentação

Windows 10 tem um claro problema de fragmentação

Compartilhe

O lançamento do Windows 10 representou uma importante transição do modelo de produto que vimos no Windows 7 e Windows 8.1 para o modelo de serviço, o que foi problemático tanto para a Microsoft como para o usuário.

Para manter o conceito de Windows 10 como serviço, a Microsoft optou por lançar duas atualizações semestrais de grande porte, que introduzem mudanças de funcionalidade e diversas melhorias. A prática é adotada pela Apple e em várias distros Linux há muito tempo.

As atualizações semestrais também aumenta o ciclo de suporte do sistema operacional. Porém, o fato de serem gratuitas não significa que são vantajosas. Os ciclos de desenvolvimento da Microsoft são muito curtos, e combinado com a grande quantidade de diferentes configurações que o software deve cobrir fez com que os problemas nos drivers se tornassem comuns a cada atualização semestral.

As duas últimas atualizações semestrais do Windows 10 apresentaram problemas nesse sentido. o Windows 10 October 2018 Update foi um desastre nesse sentido, a ponto de ser retirada e só disponibilizada em todo o mundo meses depois do seu primeiro lançamento. Quase junto com o lançamento do Windows 10 May 2019 Update, que foi bem menos problemática, mas não isenta de erros.

A chegada lenta e gradual do May 2019 Update deixou o Windows 10 em uma situação controvertida, já que resultou em uma pequena fragmentação do sistema operacional da Microsoft no mercado.

O Windows 10 April 2018 Update (1803) se mantém como a versão mais utilizada, com cota de 58%, seguida pelo Windows 10 October 2018 Update, que chegou a apenas 30% dos usuários, e pelo Windows 10 May 2019 Update, que está na lanterna, com 6.3%. As demais versões mais antigas dividem o restante do bolo.

 

 

Windows 10, à sombra da fragmentação

 

 

Os números não chegam a representar exatamente um problema de fragmentação tão grave quanto o que o Android enfrenta hoje. Porém, é um sinal de alerta para a Microsoft. Um aviso claro do que pode acontecer se a empresa não mudar a estratégia de atualizações semestrais.

Se o Windows 10 May 2019 Update tiver um problema repentino e a Microsoft precisa retirar a disponibilidade desse update, ou se a sua disponibilidade precisa ser desacelerada, vai se repetir o cenário testemunhado com o October 2018 Update, e quatro grandes versões acabariam dividindo o bolo. E se a situação se repetir no final do ano, a situação da Microsoft se complica ainda mais.

Por enquanto, o Windows 10 May 2019 Update não traz grandes problemas, mas também não começou com o pé direito. Alguns casos resultam em desligamentos mais lentos e falhas na GPU em casos pontuais no Surface Book 2, algo que confirma que a Microsoft segue sem acertar com as suas atualizações semestrais.

Veremos como a situação vai evoluir nos próximos trimestres, mas se as coisas continuarem como estão, é provável que a fragmentação acabe se transformando em um grave problema, que será de única responsabilidade da Microsoft.

 

Via AdDuplex


Compartilhe